sexta-feira, 30 de dezembro de 2016

Em novo livro, o autor de "O Imperador de Todos os Males", traça limites dos genes



Nesta aclamada obra, Siddhartha Mukherjee, vencedor do prêmio Pulitzer de não ficção de 2011, combina ciência, história social e relatos pessoais para nos contar a extraordinária narrativa de uma das mais importantes descobertas dos tempos modernos. Ao investigar a hereditariedade, Mukherjee irá mostrar como a genética influencia nossas vidas, personalidades, identidades, destinos e escolhas.

Ao longo do livro, Mukherjee explora também a própria origem e família, com seu trágico histórico de doenças mentais, nos mostrando como a ciência pode saltar rapidamente dos laboratórios para a vida. Um livro extraordinário sobre uma das mais importantes – e urgentes – questões da humanidade.

Read More

quinta-feira, 29 de dezembro de 2016

Você foi convidado para um jantar secreto

Um grupo de jovens deixa uma pequena cidade no Paraná para viver no Rio de Janeiro. Eles alugam um apartamento em Copacabana e fazem o possível para pagar a faculdade e manter vivos seus sonhos de sucesso na capital fluminense. Mas o dinheiro está curto e o aluguel está vencido. Para sair do buraco e manter o apartamento, os amigos adotam uma estratégia heterodoxa: arrecadar fundos por meio de jantares secretos, divulgados pela internet para uma clientela exclusiva da elite carioca.

A partir daí, eles se envolvem em uma espiral de crimes, descobrem uma rede de contrabando de corpos, matadouros clandestinos e grã-finos excêntricos, e levam ao limite uma índole perversa que jamais imaginaram existir em cada um deles.


Confira um vídeo em que o autor fala sobre seu novo livro:


Read More

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Editora Paralela lança "Moda com propósito" de André Carvalhal



Em um mundo cada vez mais conectado, a moda ganhou força e conquistou espaço na vida das pessoas. Agora estamos cheios de produtos e sempre queremos mais. Nos últimos anos, porém, essa ansiedade gerada pelo consumismo tem deixado a sociedade e o meio ambiente esgotados, e a promessa de que a compra traz felicidade claramente não vale mais. No entanto, muitas marcas continuam buscando o lucro através da compra desenfreada.

Questionador como sempre, André Carvalhal reflete sobre essas contradições para apresentar aquilo que deveria nortear todas as marcas da atualidade: o fazer com propósito. Mirando muito além da venda e do marketing, ele nos mostra como é necessário entender certos valores - como sustentabilidade, comércio justo, consciência social e cultural - para ser capaz de inovar e empreender com sucesso. Assim como é preciso aprender a viver com menos, pensar nas consequências de se buscar sempre o mais barato e refletir no impacto social de cada ação - e isso vale também para os consumidores. Afinal, com informações atualizadas a cada segundo, não basta simplesmente trabalhar por dinheiro. É preciso, acima de tudo, buscar esse novo olhar, para se viver e conquistar com propósito.
Read More

terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Martha Medeiros lança Um Lugar na Janela 2: Relatos de Viagem

Viajar para nos encontrar “Janela ou corredor?” é uma daquelas frases que parecem dividir a torcida. Opiniões à parte, Martha Medeiros já escolheu seu lugar. É na janela, como espectadora das maravilhas que o mundo tem a oferecer a quem quiser se aventurar por ele.

Não é só a cor local, os sabores, a atmosfera que encantam a viajante; é também o fato de encontrar em cada um dos destinos um motivo para celebrar a vida. É um restaurante que se revela uma surpresa, um mercado de pulgas, um monumento, mas também o clima das ruas, pegar carona numa moto, conhecer pessoas, se comunicar numa língua diferente. Martha Medeiros, com sua escrita única, nos transporta para os mais diversos lugares do planeta: do cosmopolitismo ao sagrado, da praia paradisíaca ao balneário hippie, do polo gastronômico ao recanto histórico. O cardápio é variado, para todos os gostos.

“Eu viajo para resistir à hostilidade humana, à crueza dos costumes, ao tique-taque insano dos relógios. Viajo porque sou consciente do quanto viver é difícil e porque não quero ser engolida pela descrença e pela desesperança. Viajo para celebrar a vida no que ela tem de mais sagrado: suas suti­lezas, delicadezas, ins­tantes mágicos, sintonias.” Martha Medeiros


Mas, para além dos destinos deslumbrantes, Martha Medeiros nos convida a refletir. Viajar é uma maneira de deixar para trás nossa rotina, nosso “eu chato”. É dar aquela chacoalhada no dia a dia e, quem sabe, voltar com uma nova perspectiva para aqueles problemas que há tempo estão incomodando. Mudar de ares é muitas vezes o que falta para a gente promover aquele turning point sempre adiado e ir ao encontro das nossas emoções mais secretas.
Read More

Ricardo Daumas relata história de carioca que marca encontro com a própria vida


Amor de Puta, primeira obra do empresário carioca e ex-executivo da Saraiva, Ricardo Daumas e que vai ser lançada na primeira semana de dezembro pela Editora Sensus, traz a história de João Mauricio, um homem que como tantos não tem do que se queixar. Bem casado, com uma bela carreira no prestigioso “Banco”, ele é o que se pode chamar de uma pessoa de sorte, mas sua vida está em vias de se virar do avesso.

Depois de muito relutar, João faz um caminho comum a muitos outros executivos cariocas no passado, e se vê obrigado a vir para a nova matriz em São Paulo. Chega numa tarde fria de domingo e se instala num Flat em Moema, contrariado, e dentre as muitas coisas que vai descobrir ainda nesta tarde inclui-se o fato de que não quer voltar para o Rio também, para a mesma casa, o mesmo casamento, a mesma vida.

A obra traz, então, esse encontro involuntário de alguém com a própria vida, e que se faz com a ajuda de Celeste, uma vizinha linda, doce e que mergulha com João nessa viagem. Amor de Puta pode ser a metáfora da maior relação de interesse da história da humanidade, em que se vende aquilo que não deveria se entregar por negócio, mas que pode também se converter no amor mais puro, mais surpreendente, mais inesperado.

“Passamos o resto daquele domingo e ainda um pouco do próximo dia entregues a nós mesmos, sem acordos nem expectativa declarada, apenas nós naquele momento e daquele jeito. Talvez uma concessão, talvez uma distração, ou simplesmente algo que não conseguíssemos evitar, que não nos coubesse omitir, que não fosse honesto roubar de nós mesmos. Ela se impregnava em mim, e eu podia sentir isso como se fosse o sol arrepiando minha pele no frio do inverno. Eu não queria tê-la, queria que ela me fosse, que fosse a parte não declarada e omissa da minha alma revelada enfim em carne e osso, gestos, olhares, hálito.”

Amor de Puta não se trata de uma biografia ou autobiografia. Mas não será de se surpreender caso os leitores se identifiquem em algum momento, pois são histórias que acontecem à volta de um mundo urbano, suburbano, contemporâneo, competitivo, confuso, mas que é o mundo de todos, com dores, medos e desejos.

A obra, publicada pela Editora Sensus, chegou às livrarias no mês de dezembro.
Read More

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

Sampaio retrata passagens cômicas de duas baratas falastronas em seu novo livro em quadrinhos


Uma dupla de baratas carismáticas, engraçadas e sem “papas da língua”. Essas são Cuca e Racha, personagens criados há mais de 10 anos pelo artista gráfico e cartunista curitibano Sampaio, e que agora ganharam as páginas do livro em quadrinhos “Cuca e Racha – Subindo pelas paredes”. A obra, que será lançada na próxima quinta-feira, dia 22 de dezembro, em Curitiba, é fruto de um trabalho de mais de 10 anos e foi desenvolvida por meio do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura da Fundação Cultural de Curitiba e da Prefeitura Municipal de Curitiba, e contou com apoios do Banco do Brasil e da Celepar. 



São 64 páginas recheadas com ilustrações divertidíssimas e muito humor, que prometem arrancar gargalhadas dos leitores. “Eu criei os personagens Cuca e Racha há mais de 10 anos. Durante um bom tempo, elas estamparam páginas de diversos jornais brasileiros, trazendo alegria para a vida das pessoas. O sucesso das baratinhas me fez pensar em eternizá-las em um livro. Foi aí que surgiu o projeto ‘Cuca e Racha – Subindo pelas paredes’, que terei o prazer de disponibilizar ao público neste final de ano”, explica Sampaio. 


Com uma abordagem contemporânea e que retrata fatos do dia a dia, a obra tem a única preocupação de divertir os leitores com mais de 200 tiras repletas de piadas, ironias e brincadeiras. “Além de ser esteticamente muito bonito, o livro traz diálogos imperdíveis. Procurei deixar as histórias o mais atemporal possível para que a obra se mantenha atual por muitos e muitos anos. Quem gosta de um humor maduro, vai se esbaldar com as baratinhas”, comenta Sampaio. 


Em sua apresentação, o livro conta com a participação do consagrado cartunista Ziraldo. “Que sujeitim danado! Como diria o Henfil. Pode haver título mais preciso e mais adequado (criatividade é alcançar estes dois adjetivos) num livro em que os personagens são duas baratas? Sampaio, como certamente diria o Barão de Itararé, seu livro é um barato”, escreveu Ziraldo. O premiado cartunista Fernando Gonsales também se declarou ao exímio trabalho de Sampaio. “Com um desenho limpo e ligeiro, a vida cotidiana desses seres rasteiros vai se desenrolando bem-humoradamente sob nossos olhos. E, ao fim da leitura, a coisa que você menos vai sentir por Cuca e Racha é repulsa. Essa é a mágica de Sampaio“, comenta o artista.



Sobre Sampaio 
Natural de Curitiba, desde cedo deixou claro seu traço cômico e irônico. Bacharel em gravura pela EMBAP, Sampaio tem um estúdio de Ideias e dedica-se ao cartum, a ilustração editorial, e ao trabalho com humor e mídias digitais. Fazendo de sua atuação uma diversão, o cartunista também é CEO do famoso blog de humor Sacizento, que registra mais de 1 milhão de acessos diários. No Sacizento, o curitibano veicula notícias fantásticas, curiosidades e um pouquinho de fofoca como a chamada do blog diz: “90%invenção e 10% só é mentira”.
Read More

Rogue One: São Paulo tem exposição de peças exclusivas e inéditas do filme


A franquia de filmes mais amada do mundo acaba de ganhar seu primeiro standalone: Rogue One: Uma História Star Wars, que estreou no último dia 15 de dezembro nos cinemas de todo o Brasil. Para celebrar o lançamento, a Iron Studios apresenta suas primeiras peças oficiais do filme na Iron Studios Concept Store, loja conceito de colecionáveis na Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 946, em São Paulo, onde os fãs podem conhecer a linha completa dos novos produtos do filme.

Além dos produtos Art Scale 1/10 Série 1 e Star Wars Art Scale 1/10 Série 2, já à venda, os fãs podem conhecer as peças life size inéditas em uma experiência única, além do novo droide K-2SO, parte da Art Scale 1/10 Rogue One. Estão à venda também as peças Cassian e Deathtrooper.

A Iron Studios Concept Store está também em mais dois endereços: Shopping Nova América (RJ) e Shopping Eldorado (SP).
Read More

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

Le Chevalier chega aos quadrinhos pela AVEC Editora

 No apagar das luzes de 2016, a AVEC Editora coloca no mercado mais uma obra de quadrinhos nacional, desta vez trazendo de volta Le Chevalier, que estrelou um dos romances de steampunk da literatura fantástica nacional. O escritor A.Z. Cordenonsi retorna como roteirista em Le Chevalier: Arquivos Secretos vol. 1 (64 páginas coloridas, 21x28 cm, preço sugerido: R$ 39,90), ao lado do ilustrador Fred Rubim, responsável pela arte do álbum O Coração do Cão Negro, um dos maiores sucessos de público e crítica da editora.

O editor Artur Vecchi explica que as tramas contadas na HQ seguem o mesmo tom do romance, agora atrelado ao dinamismo que só a narrativa em quadrinhos é capaz de conferir a uma obra impressa. “Esta volta de Le Chevalier é um prato cheio tanto para os fãs de quadrinhos quanto para quem vem da literatura fantástica, tendo lido ou não o livro que lançamos em 2015. O álbum tem potencial para agradar todo e qualquer fã de histórias com ação e espionagem, ser steampunk é o detalhe que deixa tudo mais divertido”, revela.


Lançamento
Le Chevalier: Arquivos Secretos vol. 1 pode ser adquirido através do site da AVEC (http://www.avecstore.com.br/) e em breve estará nas principais redes de livrarias do país. O lançamento oficial ocorreu na Comic Con Experience 2016, realizada em São Paulo.


Prelúdio
As histórias apresentadas em Le Chevalier: Arquivos Secretos vol. 1 podem ser lidas mesmo por quem ainda não teve a oportunidade de conhecer o seu romance de estreia Le Chevalier e a Exposição Universal. O roteirista A.Z. Cordenonsi apresenta agora aventuras do personagem situadas em um período anterior ao mostrado no livro.


As aventuras
Em Le Chevalier: Arquivos Secretos vol. 1, a França lidera a Revolução Industrial em um mundo steampunk e o espião Chevalier é o principal agente do Bureau Central de Inteligência e Operações, protegendo o Império Francês contra seus inimigos. Nas duas histórias recheadas de aventura, espionagem e reviravoltas deste volume, Chevalier e Persa, seu desbocado companheiro, precisam capturar um assassino em série e desbaratar uma conspiração que ameaça todo o delicado equilíbrio político europeau.
Read More

terça-feira, 20 de dezembro de 2016

'A História do Vinho' em edição ilustrada irá encantar os amantes da bebida


A História do Vinho é considerada a obra-prima de Hugh Johnson e o grande clássico internacional da literatura sobre o vinho. Esta é uma das mais abrangentes e, certamente, uma das obras mais agradáveis sobre vinho em todos os idiomas.

O sucesso internacional desta obra é atribuído à prosa eloquente de Hugh Johnson, que, combinada ao seu conhecimento excepcional, resultou na mais acessível e esclarecedora história do vinho jamais escrita.

Esta edição ilustrada do clássico, segundo o autor, foi renovada e atualizada para trazer os mais recentes acontecimentos no mundo do vinho. A leitura traça a história da civilização sob a ótica do vinho, desde os seus primórdios, passando pelo esplendor do bacanal do mundo antigo até os dias atuais.

Por que o vinho é tão especial? Em parte porque durante o maior período de sua história, e da história da humanidade, o vinho foi a única fonte de conforto e coragem, o único remédio e antisséptico, o único recurso para reanimar a alma cansada e soerguer o homem do seu esgotamento e tristeza. O vinho foi o suprassumo do luxo durante milênios da história da humanidade. E, ao mesmo tempo, o vinho é imprevisível, daí o seu valor ser tão variável – com certeza tão variável que duas safras ou videiras jamais terão resultados idênticos.

Totalmente impressa a cores, em papel nobre e em capa dura, repleta de ilustrações, mapas e com uma seleção grandiosa de fotografias de arquivo, esta edição suntuosa é obrigatória para os amantes do vinho, historiadores, seguidores literários e afins.
Read More

segunda-feira, 19 de dezembro de 2016

Autora lança romance épico após superar doença grave

Às vezes, o Destino prega peças inusitadas na vida das pessoas. Com um simples ato de solidariedade, um país pode ir à ruína. Ou talvez, seja a salvação de toda uma geração. Mas o que se menos espera, é que o Destino também possa interferir na História.

Na obra O Labirinto das Moiras, a médica e escritora Tânia Calciolari exibe o Destino como um dos personagens. Como se tecesse ou tricotasse um tecido, a autora natural de Araras/SP, e que hoje mora em Brasília, apresenta diferentes histórias que também fazem parte da memória do Brasil, e que são o pano de fundo para o desfecho desse romance, que perdura para além das gerações e dos seres.

“De certa forma, acredito que você já me conhece. Eu sou o Destino. E como entrei aqui? Bom, deve saber que não preciso de convite para entrar em parte alguma. Na verdade, eu já estou em toda parte”. (p. 6)

Com a imigração italiana e a ditadura militar na base dos relatos, a autora expressa como esse percurso do tempo é um reflexo das ações dos homens. Em sua personificação de herói – o imigrante italiano Pietro Zanetti – Tânia conclui desde o início que nem sempre é possível realizar os objetivos com a própria força e vontade. Às vezes, é preciso de uma ajudinha do próprio Destino.

A própria autora também é um exemplo de como a vida percorre caminhos suntuosos para a vitória. O Labirinto das Moiras teve início quando Tânia estava em tratamento para a Hepatite C, em 2011. Na época, apenas 40% dos pacientes mostravam resultado ante as intermináveis injeções de Interferon. Esse número lhe causou uma angústia aguda e um medo crônico de ter um futuro e presente roubados de si.

E é justamente essa falta de livre-arbítrio e individualidade que a autora explora em sua narrativa. Utilizando a mitologia grega como inspiração, Tânia trilha o caminho que o Destino faz, cego ante às próprias amarras e limitações, porém perdidamente apaixonado pelos truques que o amor realiza com todos os seres. Como se fosse mais uma artimanha do próprio Destino.
Read More

domingo, 18 de dezembro de 2016

Livro infantil retrata a hiperatividade


Abordar de forma leve, afetuosa e divertida as principais características das crianças com Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH). Essa é a proposta do livro infantil “João Agitadão”, da escritora e psicóloga Lia de Paula Moraes. 

A obra conta a história de um menino muito agitado chamado João. O personagem gosta muito de correr, não consegue ficar quieto e ainda tem uma capacidade incrível para se distrair com qualquer coisa. Todas as características de alguém com TDAH. Por conta do seu jeito elétrico e estabanado, ele passa por problemas com professores, nos locais por onde anda e até com os coleguinhas da rua na hora da brincadeira. 
- A ideia principal é que a criança hiperativa ao conhecer o personagem se identifique com ele e isso contribua para formar uma autoimagem mais positiva – diz a autora.

A escritora conta que a inspiração veio de suas experiências pessoais e na carreira desde quando o TDAH tinha pouca divulgação nos meios de comunicação e entre as famílias. Em casa, por exemplo, ela teve de lidar com a hiperatividade do filho mais velho, hoje um publicitário bem-sucedido. No trabalho, ela atendia muitas crianças com TDAH num posto de saúde da rede pública.

Para facilitar o atendimento das crianças com o transtorno, a autora escreveu o texto que lia para elas e depois pedia que fizessem um desenho sobre a história. Isso as ajudava a falarem sobre si mesmas. Com o tempo, percebeu o valor terapêutico do texto e surgiu a ideia do livro "João Agitadão".

- A linda ilustração do publicitário Ney Megale tornou o livro atraente também para as crianças sem sinal de hiperatividade, que vão entender e aceitar mais os colegas desatentos e agitados - conclui.
Read More

sábado, 17 de dezembro de 2016

Nickelodeon e Social Comics fecham parceria inédita no Brasil


A Nickelodeon, uma das principais marcas multimídia de entretenimento para crianças e famílias do mundo, fechou parceria com o Social Comics, a maior plataforma de streaming de quadrinhos da América Latina.

O acordo firmado na matriz norte-americana do grupo Viacom, via divisão nacional da Nickelodeon, permitirá que diversos quadrinhos de famosos personagens sejam disponibilizados em formato digital, expandindo ainda mais a presença dessas franquias em diferentes mídias para alcançar o maior número possível de fãs.

A partir de 2017, o Social Comics começará a oferecer HQs de As Tartarugas Ninja, Avatar: The Last Airbender e A Lenda de Korra.

Além disso, estão programadas ações de marketing entre as duas empresas para fortalecer e difundir a publicação dos materiais.

“Estamos muito felizes com a parceria com o Social Comics, uma plataforma inovadora para os fãs de quadrinhos, capaz de proporcionar uma abrangência ainda maior de nosso conteúdo entre o seu público”, diz Angela Cortez, Diretora Sênior de Licenciamento da Viacom Brasil.

Esses personagens, já presentes em desenhos animados na televisão e filmes para o cinema, chegarão agora ao público brasileiro também pelas histórias em quadrinhos.

“Criarmos essa parceria de longo prazo com um grupo de prestígio mundial como a Viacom, podendo trazer aos leitores de nossa plataforma diversos quadrinhos da Nickelodeon, só ratifica nossa crença de que estamos no caminho certo”, afirmou Marcelo Bouhid, diretor de marketing do Social Comics.

O planejamento já está sendo definido e, em breve, mais detalhes serão revelados.

“Nós estamos muito animados em trabalhar com o Social Comics em nosso esforço para expandir nosso conteúdo de publicação digital em todo o mundo. O Social Comics é o parceiro perfeito para a Nickelodeon, que proporciona a seus fãs o acesso a nossos quadrinhos onde e quando quiserem”, explica Doug Drohan, Diretor Sênior de Conteúdo Licenciado e Publicações Digitais da Viacom International Media Networks.

As Tartarugas Ninja foram criadas em 1984 por Kevin Eastman e Peter Laird, como uma revista em quadrinhos, mas ficou popular com a famosa série animada da década de 1980. Desde então, ganhou outras animações, diversas HQs e seis longas-metragens, sendo que o mais recente deles chegou aos cinemas neste ano de 2016.

Avatar: The Last Airbender é uma série animada de coprodução entre Estados Unidos e Coreia do Sul. Misturando elementos de artes marciais e magia, se tornou um dos programas mais populares da Nickelodeon. Além de um filme live-action, ganhou uma continuação, chamada A Lenda de Korra.
Read More

Sonhe grande: inspire-se, divirta-se e aprenda com Nick Vujicic


Depois de Me dá um abraço, a Editora Mundo Cristão anuncia o lançamento de Sonhe Grande, continuação do belíssimo testemunho de Nick Vujicic, autor best-seller e referência em assuntos relacionados à superação, motivação e fé. 

Devido à rara síndrome denominada tetra-amelia, que ocorre por falha na formação embrionária, Nick nasceu sem braços e pernas, mas isso não o impediu de ser um importante evangelista e palestrante internacional. Ele já esteve em mais 50 países e falou para mais de seis milhões de pessoas. Seu exemplo é inspirador e sua vida uma aventura cheia de desafios e milagres.

Em Sonhe Grande, ele volta aos anos de sua infância, relembrando fatos divertidos de sua trajetória, dramas que precisou enfrentar e lições que aprendeu com seus erros e acertos. Em oito capítulos ricamente ilustrados e com uma linguagem envolvente, o autor convida os leitores a embarcarem na jornada que fez em busca da concretização de seu sonho, sempre ressaltando a importância do amor e dos gestos daqueles que o influenciaram positivamente.

Com aventuras emocionantes, repletas de lições de vida, a qual todos estão convidados a conhecer, Sonhe Grande, é um livro apaixonante, indicado não apenas para as crianças, mas para os adultos também! 

“Quando temos um propósito claro, encontramos coragem para superar nosso medo. Essa coragem nos fortalece para que continuemos a correr atrás de nosso sonho”. P. 27

Nick Vujicic - Evangelista australiano, palestrante motivacional e escritor best-seller, Nick Vujicic já falou para mais de seis milhões de pessoas em mais de 50 países. Sua história de vida, fé e superação é um testemunho poderoso acerca do poder de Deus que oferece uma nova e maravilhosa perspectiva de vida para o homem, mesmo em meio às mais extremas dificuldades.

Nick nasceu sem as pernas e os braços devido à rara síndrome denominada tretra-amelia, que ocorre por falha na formação embrionária. As limitações que possui, no entanto, não conseguiram barrá-lo. Sua atitude positiva, força de vontade e confiança em Deus são os combustíveis para uma vida inspiradora e repleta de conquistas. Formado em economia e contabilidade, ele é o criador da empresa Attitude is Altitude, pela qual inspira pessoas em todo mundo por meio de preleções em escolas e empresas. Ele é também o fundador e presidente da Life Without Limbs [Vida sem membros], uma organização assistencial que tem como objetivo compartilhar a mensagem de Jesus Cristo. Nick é casado com Kanae, com quem tem um filho, Kiyoshi.
Read More

sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

Social Comics traz quadrinhos inéditos da Valiant Entertainment para o Brasil


Com pouco menos de um ano e meio no mercado, o Social Comics se tornou a maior plataforma de streaming de quadrinhos da América Latina.

Além de formar parcerias com as principais editoras brasileiras, proporcionando uma grande variedade de obras de qualidade para os assinantes, o Social Comics tornou-se também o maior difusor de trabalhos de autores independentes. São quase três mil edições, disponíveis para leitores de todos os cantos do País, ao alcance de qualquer computador, smartphone ou tablet.

Agora, entrando em uma nova fase do seu plano de expansão, o Social Comics tem o orgulho de anunciar um acordo de características inéditas no mercado editorial nacional.

A partir de agora, como resultado de uma negociação realizada diretamente com a norte-americana Valiant Entertainment, a plataforma oferecerá todo o catálogo de HQs da editora, apresentando um novo e empolgante universo de super-heróis, um dos três maiores do mundo dos quadrinhos.


A parceria não se resume apenas a disponibilizar as edições na plataforma, como normalmente acontece. Por se tratar de obras estrangeiras, o Social Comics será responsável pela supervisão da produção editorial de todo o material, assim como a definição do cronograma de publicação. Para este desafio, conta também com os serviços da Paco's Agência Digital.

"Estamos muito animados com esta parceria com o Social Comics para levar nossos personagens – como Rai, Bloodshot, Archer & Armstrong, Harbinger e X-O Manowar – até os leitores, em português. Muitas coisas estão sendo feitas para os próximos dois anos, e não só com publicações, mas também filmes, vídeo games e animações. É muito bom estar também no Brasil", comemorou Gavin Cuneo, diretor de operações da Valiant Entertainment.

A estreia do Universo Valiant aconteceu durante a CCXP – Comic Con Experience 2016, e 67 edições já estão disponíveis para leitura, totalizando 15 arcos de histórias e uma saga completa.

Além disso, um novo arco será lançado semanalmente. Ou seja, é como se um encadernado fosse publicado a cada sete dias, proporcionando assim materiais inéditos regularmente. Também está nos planos o lançamento de arcos fora de cronologia, de forma praticamente sincronizada com os Estados Unidos, fato sem precedentes no mercado brasileiro de quadrinhos.

"Esta parceria com a Valiant Entertainment é de grande importância e responsabilidade para nós. E gera muita satisfação, pois comprova que nosso trabalho está sendo reconhecido e levado a sério não só no Brasil, mas também internacionalmente. Temos certeza que esse conteúdo exclusivo surpreenderá os leitores. E é bom se prepararem, pois temos planos empolgantes para essa linha", afirmou Marcelo Bouhid, diretor de marketing do Social Comics.



Acessando o Social Comics, os leitores já encontram as seguintes séries:

X-O Manowar: Nascido no meio da guerra, Aric de Dacia, herdeiro do trono do povo visigodo, nunca conheceu a paz. Após um encontro brutal com um misterioso inimigo conhecido como A Vinha, ele é feito prisioneiro em um mundo alienígena. A única esperança que Aric tem de retornar para a sua família e salvá-los da escravidão é usar uma armadura capaz de destruição incalculável e se tornar o X-O Manowar! A Vinha destruiu o mundo de Aric. Agora, ele retribuirá com guerra.

Harbinger: O adolescente superpoderoso Peter Stanchek vaga pelos Estados Unidos numa tentativa desesperada de se manter um passo à frente das autoridades. Ele é um psiônico, um "harbinger", com potencial para remodelar o curso da história humana. O respeitável filantropo, e também harbinger, Toyo Harada, está prestes a oferecer a Peter tudo o que ele queria, e induzi-lo a uma rede secreta de conspiração e subversão conhecida como Fundação Harbinger. Agora, Peter começa sua longa trilha em direção ao destino que abalará as fundações do Universo Valiant. Sua primeira lição? Todo poder vem com um preço a ser pago.

Bloodshot: Seu nome é Angelo Mortalli, e o irmão dele está cercado atrás das linhas inimigas a ponto de... não. Isso não está certo. Seu nome é Raymond Garrison, aposentado das ações em campo até um pedido desesperado de um velho amigo o faz retornar a... não. Isso também não está certo. Quem é ele? Ele é Bloodshot, um mal necessário. A perfeita confluência de necessidade militar e tecnologia de ponta. Um WikiLeaks ambulante. Alguém que resolve segredos sujos capazes de desestabilizar o mundo inteiro.

Archer & Armstrong: Após anos de meditação e treinamento, o jovem Obadiah Archer, de 18 anos, foi enviado para Nova York com o objetivo de cumprir a missão sagrada do secto de sua família: localizar e matar o beberrão imortal conhecido como Armstrong! Mas, à medida em que o jovem e ingênuo assassino segue sua presa, descobre que tanto a caça quanto o caçador são peões numa conspiração milenar que vão desde as catacumbas abaixo de Wall Street até às montanhas do Himalaia. Agora, Archer e Armstrong deverão trabalhar juntos se quiserem que o futuro tenha alguma chance de sobrevivência frente a uma grande ameaça do passado.


Shadowman: Há um milhão de sonhos em Nova Orleans, mas agora o seu pior pesadelo se tornará realidade. As forças da escuridão se preparam para reclamar a cidade como sua, e Jack Boniface precisará aceitar o legado que é seu por nascença. Como Shadowman, ele será a única coisa entre a cidade e um exército de indescritíveis monstruosidades do além. Mas qual é o custo dos poderes sobrenaturais do Shadowman? Poderá Jack dominar suas novas habilidades antes do Mestre Darque romper a barreira que separa a realidade da dimensão conhecida como Lado dos Mortos?

Harbinger Wars: A primeira grande saga do Universo Valiant! Durante décadas, a Fundação Harbinger, de Toyo Harada, e o Projeto Espíritos Ascendentes, do governo, vem travando uma guerra secreta por um dos mais raros recursos conhecidos pelo homem: os super-humanos psiônicos conhecidos como harbingers. Ao longo dos anos, eles formaram um pequeno exército dessas crianças com poderes para impor seus objetivos ao mundo. Mas, agora, o aposentado caçador de harbinger conhecido como Bloodshot precisa reparar os crimes cometidos, e começará libertando alguns dos mais voláteis harbingers de suas prisões no Projeto Espíritos Ascendentes. Uma ação que colocará Harada, Bloodshot e a equipe liderada pelo jovem e poderoso harbinger Peter Stanchek em rota de colisão.

O acordo inclui ainda o lançamento das histórias da Valiant no formato impresso, a partir de 2017, pela Jambô Editora. Os detalhes serão divulgados nos próximos meses. Assim, os leitores acompanharão as aventuras em duas frentes independentes: digital e físico.
Read More

Embaixador croata lança livro de poemas no Brasil


A poesia é um gênero literário que manifesta beleza, estética e harmonia em formas de palavras. Foi buscando expressar o sentimento de presença profunda e inebriante do ser humano que o escritor Drago Stambuk, ex-embaixador da Croácia no Brasil, apresenta sua nova obra “O mar não está mais”. 

A obra será publicada em dezembro pela Editora Penalux e conta com uma coletânea de poemas que evocam a imagem do mar, que está e não está, dentro de suas ondas eternamente em movimento, provocando a intensa sensação de presença enorme e viva, mas que logo desaparece. 

Segundo o autor, o principal objetivo dos poemas é perpassar por várias paisagens do mundo, assim como da própria Croácia, para edificar em todos os cantos a mesma sensação, costurada pelos oceanos.

- A minha poesia é inconstante e profunda, mas, acima de tudo, viva. A ideia do livro é de estar e não estar, o movimento, a presença e a existência, o fluxo contínuo e humano da nossa realidade - reforça Drago.

Para os editores Tonho França e Wilson Gorj, o estilo de Stambuk está em falta no mercado editorial brasileiro: “A poesia croata não é muito divulgada em nosso país. Essa obra será um incentivo para o intercâmbio cultural e, acima de tudo, literário entre Brasil e Croácia”, comenta a Editora. 


Ao longo dos séculos, a poesia tem sido usada como forma de expressar os mais variados sentimentos e, no sentido figurado, este gênero traduz tudo aquilo que comove, sensibiliza e desperta sentimentos. A verdade é que a poesia só existe quando é plenamente compreendida. Para compreendê-la, é preciso um bocado de sensibilidade.
Read More

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Biblioteca Mário de Andrade convida comunidade a finalizar sua sala infantil


Após o sucesso da programação infantil da Biblioteca Mário de Andrade ao longo de 2016, a novidade é a inauguração de um espaço na BMA voltado exclusivamente ao público infantil. A sala de crianças denominada A Flor Amarela, em homenagem ao poema homônimo de Cecília Meireles, publicado em Ou Isto ou Aquilo, pretende ser um lugar onde se desenvolvam atividades que estimulem a criatividade e a imaginação infantil.

Todo o projeto executivo já está pronto, inclusive com móveis desenhados especialmente para as crianças pelo conceituado escritório de arquitetura “Ovo”. Para ser concluído, passará por um processo de crowdfunding, o que tornará a iniciativa uma experiência inédita nesses moldes no Brasil. 

A campanha foi lançada no dia 23 de novembro e terá 60 dias de duração, ou seja, as doações serão aceitas até 22 de janeiro de 2017 e a intenção é arrecadar R$ 160 mil até lá. A expectativa é obter cerca de 40% do valor total da implantação final do projeto, que corresponde à fabricação de móveis e adequação do espaço.

Iniciativa transformadora e revolucionária, a sala A Flor Amarela inova por duas razões: primeiro porque é a primeira vez, em 91 anos de existência, que a Biblioteca Mário de Andrade terá um espaço voltado às crianças (até pouco tempo era necessário autorização especial para que crianças pudessem retirar livros na BMA), segundo porque é a primeira vez que a instituição promove uma campanha de arrecadação de recursos para a realização de um projeto.

Entre os artistas que colaboraram com as recompensas do crowdfunding, ou seja, ofereceram suas obras para a realização da iniciativa, destacam-se Maria Bonomi, Antonio Helio Cabral, Ermelindo Nardin, Francisco Maringelli, João Luiz Musa, Sylvia Soares e São Queiroz, além do diretor da instituição, Luiz Armando Bagolin.

Na opinião de Bagolin, ter a chancela da população será importante para Biblioteca e indicaria como os usuários e apoiadores enxergam o equipamento público disponibilizado, e como essa relação pode ser fortalecida. 

“Estamos chamando a todos para participar de um projeto que amplia a atuação da Biblioteca Mário de Andrade para o público infantil. Ao receber essas contribuições, teremos respaldo para justificar a construção do espaço”, explica. “Isso nunca havia sido imaginado antes. Poderá significar um avanço muito importante na relação dos espaços públicos com a população”,

A captação de recursos por meio de financiamento coletivo será responsável pela complementação a recursos que serão disponibilizados pela própria BMA e por instituições apoiadoras, tais como editoras e instituições financeiras. As contribuições variam de R$ 15 a R$ 2.000 e haverá contrapartida para todas as cotas, desde calendários e marcadores de páginas exclusivos, cartazes, livros de arte e literatura, fotografias originais e gravuras de grandes artistas brasileiros.
Read More

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

A Guerra dos Fae conduz o leitor a um fantástico mundo com seres sobrenaturais

Sucesso entre jovens e adolescentes, A Guerra dos Fae é uma série publicada pela Geração Editorial no Brasil. A sequência consagrou o trabalho da norte-americana Elle Casey, hoje considerada um grande talento da literatura fantástica e uma das autoras independentes mais bem-sucedidas.
A saga conta a história de Jayne Sparks, uma adolescente rebelde e desbocada que inicia sua aventura com o livro As Crianças Trocadas.  Depois de ser assediada pelo padrasto, ela foge para Miami com o melhor amigo e os dois acabam sendo sequestrados por uma misteriosa organização que os coloca em competição numa floresta sinistra repleta de gnomos, magos, lobisomens, elfos, íncubos, bruxas, e outros seres sobrenaturais.
Na floresta, Jayne descobre que possui uma série de dons que serão muito úteis quando ela se encontrar em um mundo paralelo, o mundo dos Fae, no qual terá que se adaptar à novas regras, nem sempre claras ou bem-intencionadas.
No segundo volume, Chamado às Armas, as crianças trocadas passam por uma intensa transformação sobre-humana, que os prepara para iniciar a guerra entre os Fae da Luz e os Fae das Trevas. Novos personagens também acrescentam elementos mais ágeis, imprevisíveis e vigorosos à narrativa, que tem mais suspense e muito mais romance.
A história atinge seu ápice no terceiro volume, Luz e Trevas, que finalmente revela os motivos por trás da guerra entre os Faes da Luz e os das Trevas. A heroina Jayne, mesmo traída por um aliado, permanece destemida, e, às vezes, inconveniente, ao mesmo tempo em que deve aprender a lidar com os novos aspectos de seus poderes, que poderão ser usados contra a sua vontade para fins obscuros e ilícitos.
Nova Ordem Mundial, o quarto volume da saga, mostra Jayne dividida entre dois personagens. Outra encruzadilha atrapalha o caminho da protagonista: a batalha que decidirá a formação da nova ordem exigida pelo mundo sempre em guerra entre os Fae da Luz e os da Escuridão. As decisões que Jayne tomará exigirão que ela amadureça e se mostre à altura de desafios bem menos adolescentes.
Não é apenas a magia e os seres fantásticos que fazem da saga uma aventura inesquecível, mas também a história sensacional e os personagens fortes, plausíveis, cheios defeitos e qualidades e fáceis de identificar. Criada com maestria, A Guerra dos Fae é uma leitura envolvente e deliciosa, que puxa o leitor para dentro da história e não o deixa sair dela enquanto não chegar ao fim.
Read More

Caveira Vermelha: Encarnado

de Greg Pak, Mirko Colak e Matthew Wilson (Editora Panini Books/ Marvel)

Um dos vilões mais emblemáticos do Universo Cinematográfico da Marvel, com sua aparição em Capitão América: O Primeiro Vingador vivido pelo ator Hugo Weaving, é natural que os leitores de quadrinhos se perguntem mais sobre o Caveira Vermelha. Para alimentar o imaginário dos fãs, foi criada esta HQ que toma muitas liberdades com a história original do personagem, criando uma narrativa de origem muito única e bem interessante, principalmente para os aficionados pela Segunda Guerra Mundial.


Na narrativa somos apresentados a Johann Schmidt ainda em sua infância. Órfão, eles sobrevive nas ruas em um lar para crianças, onde sofre abusos de todos os tipos e aprende a não confiar em outros seres humanos. Vemos várias cenas onde seus traços de humanidade vão sendo suprimidos por situações cruéis.


Este primeiro momento da história mostra uma Alemanha em crise, onde a violência, a fome e a necessidade são companhia constante da maior parte da população que sofre com a inflação e com a fraqueza do Estado. Em seguida, enquanto o menino cresce, acompanha a escalada do Partido Nazista ao poder, com a unificação causada pelo nacionalismo fanático e a perseguição às minorias.

Crescendo neste contexto, Johann se torna um adolescente desprezível, que faz de tudo para tirar vantagem das outras pessoas, inclusive aquelas que só querem lhe ajudar e fazer bem. A história acompanha até seu ingresso no exército quando é um jovem adulto, mostrando os estratagemas que ele criou para alcançar seus objetivos.



Quando terminei a leitura eu não soube dizer exatamente minhas expressões. Por um lado, o traço e as cores são fabulosos, e a história é interessante e diferente do que esperamos de prequels dentro do mundo dos super-heróis, principalmente por mostrar o mundo real e fatos históricos.


No entanto, acredito que a bagunça na linha do tempo foi uma perda para que essa história se encaixe no restante da trajetória do personagem, porque ele não teria a mesma idade das histórias do Capitão América onde o Caveira Vermelha apareceu pela primeira vez. Também acredito que algumas partes da narrativa deixaram a desejar, abrindo espaço para questionamentos. Enfim, a história poderia ter sido melhor trabalhada, ou esse foi o sentimento que tive ao completar a leitura.


De forma geral é uma boa HQ, com uma edição linda em capa dura e um trabalho realmente primoroso da equipe, que não só desenhou com capricho, mas também realizou a pesquisa histórica para ambientar um personagem fictício em cenas e locais reais. 
Read More

terça-feira, 13 de dezembro de 2016

A importância da leitura para crianças e jovens



Por Alexandra Vieira de Almeida - Escritora e Doutora em Literatura Comparada (UERJ)

A junção entre palavra e imagem permite que as crianças e os jovens acionem o seu universo simbólico. O imaginário destes seres é muito mais propenso à curiosidade e ao reconhecimento de novas trilhas, pois eles envolvem uma gama variada de significados abertos à imaginação latente.

O público infanto-juvenil geralmente se aventura por vários autores por sua qualidade lúdica. No entanto, a leitura não pode ter um engessamento habitual. É necessário que a liberdade pela brincadeira com as palavras e imagens leve estas pessoas a recriar o universo do simbólico pelas suas próprias mentes criativas.

A criatividade é o fator mais forte nesse aspecto. Ler se torna uma lâmpada que desbrava zonas escuras e desconhecidas. As crianças e jovens possuem esta luz que ilumina os labirintos da imaginação. Percorrem os caminhos e refazem novos até chegarem ao fim do caminho que pode ser retomado com novas lâmpadas que aquecem as histórias maravilhosas para estes indivíduos.

A leitura os tornam criadores de universos reais e imaginários. Por meio dela, os jovens preenchem uma palavra sugerida, uma imagem rica, fazendo do livro e de suas vidas uma conjunção repleta de significados amplos. 

É como se o barco de papel carregasse um alfabeto mágico, cheio de combinações e possibilidades pelas consciências inventivas das crianças e jovens. O barco percorre o rio do simbólico e cabe a eles preenchê-lo com novas histórias. Eles, sim, são inventores de novas trajetórias, novos pontos de encontros e desencontros.

Por esse motivo, desde cedo, os pequenos devem “respirar” histórias. As palavras devem fazer sempre parte da vida das crianças como um caminho para o pleno e educativo amadurecimento. É na infância e na adolescência que se forma possíveis inventores, criadores, enfim, mestres da vida. Eles precisam da leitura para que o crescimento intelectual se dê de forma sadia, eficaz e plena.

Esse prazer leva-os a encontrar o desenvolvimento da própria experiência. É como se no espelho encontrássemos múltiplas cores, múltiplos conhecimentos, várias vivências que eles vão construindo ao longo da leitura, produzindo-se, assim, universos multifacetados, que são reflexos de suas potencialidades imaginativas. 

A potência nesta fase é imensa como o mar mais vasto que percorre as linhas e imagens destes livros maravilhosos que são produzidos só para eles. A literatura infanto-juvenil é uma semente rica em novas árvores em seu amadurecimento. Cabe aos adultos plantarem estas sementes nas crianças e jovens para elas frutificarem. A leitura é a potência que frutifica estes aspectos. Então, que venham cada vez mais livros para as crianças e jovens.

Read More

Estudo pioneiro sobre o erotismo contemporâneo que articula estudos de gênero


O que é erotismo? Como homens e mulheres consomem pornografia? Como o mercado se transformou com a chegada do "erotismo politicamente correto”?

Essas são algumas das perguntas que a antropóloga Maria Filomena Gregori responde neste estudo pioneiro e corajoso. Prazeres perigosos mostra como produtos e práticas nascidos em contexto de luta pela ampliação de direitos sexuais nos Estados Unidos chegaram ao Brasil, criando um nicho "feminino” para a pornografia.

Situado na fronteira entre a pesquisa etnográfica, os estudos de gênero, a teoria social e o ensaio reflexivo, Prazeres perigosos expõe as forças que atuam na relação de cada um com aquilo que existe de mais particular: o próprio corpo.
Read More

segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

Vanda Amorim lança novas obras em São Paulo


No próximo dia 13 de dezembro, terça-feira, a escritora e advogada Vanda Amorim irá lançar o novo livro Maria e Eu, além da coleção Vanda Amorim, que inclui o lançamento, e as obras Crocodilo Sonhador e Deus Não Abandona. A noite de autógrafos, que começa às 19 horas, acontecerá na Livraria Cultura do Conjunto Nacional.

Maria e Eu, obra da advogada Vanda Amorim que acaba de ser publicada pela Editora Letramento, traz um diálogo emocionante e sensível entre a jovem Maria e o leitor. Vítima de abandono e tortura sexual, a personagem narra detalhes impactantes sobre sua trajetória de vida, além da luta que enfrentou para superar o passado e recomeçar.

Já a Coleção Vanda Amorim inclui três obras da autora: o lançamento Maria e Eu e os sucessos Crocodilo Sonhador e Deus Não Abandona. Com design surpreendente e capas que conversam com as narrativas intensas das tramas, a coleção irá encantar não só os fãs da autora, mas os amantes da boa literatura.
Read More

Edipro lança obra que relaciona o clássico mais completo de Karl Marx com Hegel


Publicada em diversos países da Europa pela conceituada editora Brill, A Nova Dialética e "O Capital" de Marx chega ao Brasil pela Edipro. Na obra, Christopher J. Arthur indaga a forma comum de ler ‘O Capital’ e propõe mudar a percepção do leitor quando insere a obra máxima de Marx no cenário econômico-político atual, esclarecendo suas bases filosóficas hegelianas.

O livro aborda em primeiro lugar a influência das figuras dialéticas de Hegel, porém o autor afirma que nem mesmo Marx é claro em seu status teórico, sempre permeando entre a retórica sistemática delineada por Hegel e o naturalismo que economia política britânica o influenciou.

Neste sentido, Arthur sentiu que seria necessário reconstruir o clássico de Marx de forma que esclareça e corrija a sua estrutura lógica, eliminando os resquícios ricardianos e tornando explícito o emprego de suas influências hegeliana.

Está claro que Marx estava influenciado em seu trabalho pelo método de Hegel de desenvolver conceitos indo de um ao outro por meio de um princípio lógico. No entanto, qual foi exatamente a lição de que Marx aprendeu com Hegel? - Christopher J. Arthur

A inovadora leitura, que brinda o público com um prefácio exclusivo, oferece um suporte para entender a lógica, o alcance, o funcionamento e os limites do capitalismo. Permite que a metodologia econômica utilizada em muitos países seja avaliada como um sistema e entendida desde sua estrutura interna.

Cada capítulo aborda um tema específico, assim, o leitor pode ler conforme sua curiosidade, porém está organizado em uma sequencia que salienta a posição geral do livro, compreender a estrutura completa do capitalismo.
Read More

sábado, 10 de dezembro de 2016

Games que auxiliam no desenvolvimentos de habilidades para a vida real

Além de entreter, alguns jogos ajudam no desenvolvimento de habilidades. Seja para passatempo ou descontração, há títulos que podem agregar conhecimento ao momento da diversão. E o melhor: alguns não precisam nem de internet ou espaço disponível para rodar em smartphones. Veja abaixo a lista que o game designer Lucas Ribeiro, responsável pelo curso de desenvolvimento de games da REDZERO, preparou:

SimCity – tomada de decisões

Desde o início o game sugere que o jogador tome muitas decisões, afinal ele será o “prefeito” da cidade virtual, que cria e administra. As cidades do jogo possuem características semelhantes às metrópoles em aspectos culturais e legais. Além de criar e posicionar edifícios gráficos, construir bairros, expandir áreas e desbloquear locais turísticos, o jogador deve resolver os problemas que aparecem antes que o tempo se esgote, mantendo os cidadãos felizes.

Descrição: Descrição: Descrição: Captura de tela do iPhone 1


Light Bot – pensamento lógico

Divertir e intrigar! O jogador precisa ordenar os comandos de um robô por meio de diferentes ações para que ele alcance o quadrado azul e acenda a luz em sua cabeça. Apesar de traçar um objetivo simples, o jogo estimula o raciocínio lógico ao oferecer diferentes formas de seguir.

Descrição: cid:image008.jpg@01D21370.B7FFDF70


Lumosity – treinamento cerebral

O game, usado por mais de 70 milhões de pessoas em todo o mundo, é um ótimo passatempo. Um time de cientistas e designers desenvolveu uma série com 25 etapas que desafiam o cérebro e oferecem objetivos cognitivos bem claros: desafio à memória, flexibilidade, agilidade e resolução de problemas simples e complexos.

Descrição: Descrição: Descrição: http://i.utdstc.com/screen/android/thumb/lumosity-003.png


2048 – matemática simples

Apesar de parecer um simples jogo de quebra-cabeças, o 2048 tem a função direta de incentivar a soma (e a multiplicação) de forma rápida e subjetiva. Para jogar é necessário deslizar o dedo na tela, o que leva todos os blocos para a direção escolhida. Quando dois blocos iguais se juntam, eles viram um único bloco com o valor da soma dos mesmos (apenas blocos iguais se somam). As combinações são infinitas, mas quem conquista o bloco de número 2048 pode se considerar vencedor!

Descrição: Descrição: Descrição: Captura de tela do iPhone 1

Bônus!

Os jogos de console também podem ensinar “brincando”. Como a maioria possui apenas áudio em inglês, são um convite para os jogadores brasileiros treinarem a segunda língua, com ajuda de legendas. Títulos como Resident EvilSilent Hill e Tomb Raider ajudam a treinar vocabulário, além de contar novas e boas histórias.

Já os games de automobilismo – que podem ser jogados por controle de mão ou em cockpit – como Forza, para Xbox e Gran Turismo para Playstation, ensinam muito sobre destreza, pilotagem, controle e atenção, enquanto os famosos RPG, como Clash of Clans, incentivam o trabalho em equipe e a estratégia.

Descrição: Descrição: Descrição: http://compass.xboxlive.com/assets/61/c6/61c67ead-1ad7-426d-b09c-583f0c2fb550.jpg?n=FH3_Pre-Order_carousel.jpg
Read More

Conteúdo Relacionado

© 2011 Uma Leitora, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena