sexta-feira, 31 de março de 2017

Pessimismo e pensamentos suicidas de Tolstói em obra traduzida por Rubens Figueiredo


Uma Confissão, lançamento da Editora Mundo Cristão, registra a intensa crise de fé de Liev Tolstói quando, em 1879, se questiona sobre o sentido da vida e é confrontado com sentimentos suicidas. A narrativa dessa crise e a busca por respostas são apresentadas, de maneira autêntica e não menos comovente, em tradução exemplar do prestigiado romancista Rubens Figueiredo, duas vezes ganhador do Prêmio Jabuti de Literatura.

O escritor, a essa altura, já havia lançado Guerra e Paz e Anna Kariênina, considerados como dois dos maiores clássicos da literatura mundial. Também em 1879 era um dos escritores mais admirados da Rússia e com reputação já espalhada por outros países.

Em busca de alguma resposta para o sentido da vida, Uma Confissão se detém na questão da fé: como ela se forma, como ela se perde, de onde ela vem. Prevista para ser publicada na revista Pensamento Russo em 1882, a obra foi barrada pela censura por entrar em choque com os dogmas, preceitos e costumes da Igreja Ortodoxa greco-russa, assim como de outras igrejas.

Com inspiração na obra de confissões de Jean-Jacques Rousseau, o livro de Tolstói é um depoimento pessoal, sem a mediação de personagens de ficção. O autor relata sua experiência de maneira direta, dia a dia, passo a passo, observando a transformação de seus sentimentos e pensamentos mais íntimos, ao mesmo tempo que examina, com olhar crítico, tudo que se passa à sua volta.

"Parei de crer no que tinham me transmitido desde a infância, mas acreditava em algo. No que eu acreditava, não seria absolutamente capaz de dizer. Acreditava em Deus, ou melhor, não negava Deus, mas que Deus, eu não seria capaz de dizer; também não negava Cristo e seu ensinamento, mas em que consistia esse ensinamento, também não seria capaz de dizer".

Na busca por respostas às questões mais centrais da existência, Liev Tostói redescobre a fé e experimenta um despertar espiritual. Fugindo da dogmática ortodoxa e da rigidez legalista, o aclamado autor percebe a grandeza da fé na vida de pessoas simples. Seu registro apresentado em Uma Confissão fornece valiosos insights sobre a experiência humana da dúvida, do desespero e da falta de fé.

"Que na doutrina existe verdade, disso eu não tinha dúvida; mas também não tinha dúvida de que nela existe mentira, e eu tenho de encontrar a verdade e a mentira, para então separar uma da outra. Foi isso que tentei fazer".
Read More

Richard Wiseman apresenta série de testes científicos para avaliar fenômenos sobrenaturais em livro

Psicólogo e premiado mágico profissional, Richard Wiseman passou anos pesquisando a paranormalidade para seu Doutorado na Parapsychology Unit da Universidade de Edimburgo. Para ele, os fenômenos sobrenaturais não existem, mas as investigações sobre essas experiências podem render grandes insights sobre nosso cérebro, comportamentos e crenças.

Em Paranormalidade, Wiseman descreve como videntes, médiuns e astrólogos fazem leituras extremamente precisas, investiga em detalhes a ciência por trás das experiências fora do corpo, da movimentação de mesas e do entortamento de colheres.  Ele conta ainda sobre suas noites em claro em castelos assombrados, seu encontro com um guru indiano e com um cachorro com supostos poderes sobrenaturais.

Em uma divertida viagem pelos caminhos da ciência, o livro desbrava as complexidades da mente humana e mostra por que os homens se sentem atraídos por aquilo que não conseguem compreender imediatamente.


Richard Wiseman publicou mais de cinquenta trabalhos acadêmicos sobre a paranormalidade e é um dos membros do Comitee for Scientific Investigation of Claims of the Paranormal. Em 2010, o Independent on Sunday o nomeou uma das cem pessoas que tornaram a Inglaterra um lugar melhor para se viver. 
Read More

quinta-feira, 30 de março de 2017

Como os animais ajudam as crianças a enfrentar a dor da perda


Aprender a lidar com sentimentos, sejam eles bons, ou ruins, é natural do ser humano. Desde cedo, crianças são estimuladas a enfrentar seus medos e dificuldades, porém mesmo sabendo que a morte é a única certeza da vida, ninguém é preparado para lidar com ela, até que a mesma aconteça.

A solução para um conflito que parece ser impossível de se explicar aos pequenos, pode estar dentro de casa: o animal de estimação.

A pesquisa científica sobre os efeitos terapêuticos da relação entre seres humanos e animais de estimação começou nos Estados Unidos em meados da década de 60. Após anos de observação, os benefícios dessa integração ficam cada vez mais claros.

O Grupo de Estudos sobre a Interação Humano e Animal (GE-INTERHA), é um dos responsáveis no Brasil, por fomentar pesquisas sobre a importância dos bichinhos para a qualidade de vida das pessoas.

A convivência com os animais, segundo pesquisadores, promove a sensação de felicidade e bem-estar e ajuda a desenvolver melhoras sociais, emocionais, físicas e cognitivas, prevenindo em casos como a morte de um familiar, que crianças e adultos desenvolvam doenças como síndrome do pânico e depressão.

O livro, Sempre Haverá Você –vencedor e indicado para importantes prêmios no Reino Unido – publicado pela Editora Novo Conceito, mostra de forma leve como a perda e o sentimento de culpa podem complicar o mundo em construção das crianças, e como o convívio com um animal de estimação pode ser um forte aliado na superação desse trauma.
Read More

quarta-feira, 29 de março de 2017

Um ponto...entre dois

Poucas editoras hoje no Brasil investem na publicação de poesia brasileira contemporânea de qualidade. A Editora Limiar se orgulha de ser uma dessas editoras e estar sempre atenta a novos valores da literatura e da poesia nacional.

Seu mais recente lançamento é uma prova disso. Um ponto...entre dois descortina um poeta que transita pelo tradicional haicai, desconstrói palavras para recriar significados como um mergulho cego em uma piscina cujo impacto pode ser a leveza ou o estupor. Um poeta maduro, sem receio de expor seus medos, seu amor e sua (des) crença com o mundo e sua miríade de sentimentos.


Nas palavras de Ignácio de Loyola Brandão: “Se eu fosse Affonso Romano de Sant’Anna ou Ferreira Gullar, Mario Faustino saberia ler estes textos e decifrar o que são. Para que decifrar? Para estragar o sabor? Por que eles me ficaram na mente, me perseguem, diretos, contundentes, velozes, estranhos? Leia e deixe-se consumir por eles. 

Você vai encontrar um texto ao menos para dizer: Valeu, André Couri, esse também sou eu. Se atingimos um leitor, valeu a pena, deu certo. Nunca sabemos, André, o que há por dentro dessas pessoas que passam por nós. E há tanto, às vezes.
Read More

terça-feira, 28 de março de 2017

Mais do que isso, romance do premiado autor Patrick Ness, chega ao Brasil


Após emocionar fãs de todo o mundo com a obra Sete Minutos depois da meia-noite, o americano Patrick Ness retorna para as livrarias brasileiras com um romance para arrancar suspiros dos leitores. Mais do que isso será publicado no país pela Editora Novo Conceito ainda em Abril.

No livro, Seth é um jovem cheio de conflitos, que o levaram para uma decisão irreversível. Ele comete suicídio, porém, por algum motivo desconhecido, acorda em um lugar deserto: a casa onde viveu durante a infância, em outro continente. O mais surpreendente é que ele está VIVO – e a cidade parece estar completamente abandonada.

De forma muito intrigante, detalhes sobre a vida de Seth são revelados, enquanto o personagem busca entender como ele foi parar naquela casa, em uma situação quase apocalíptica.

Dividido entre duas realidades, o protagonista está no meio de uma batalha entre a vida e a morte. A jornada de Seth é repleta de dúvidas, medo, solidão e lembranças – boas e ruins. Mas, para ele, o maior dos desafios está em tentar recuperar a vida que um dia perdeu. Ele será capaz?

Mais do que isso é um livro que revela muito sobre a vida de muitos adolescentes, que não sabem lidar com situações traumatizantes. Mas ainda assim, é um romance intenso e cheio de surpresas, que irá instigar e questionar o leitor sobre seus próprios preconceitos e hipocrisias.
Read More

Conheça a antologia de contos góticos "Dentro da Noute"


Para os entusiastas das histórias de terror contemporâneas o Projecto Adamastor está lançando um volume de arrepiar os cabelos que remete ao princípio deste tema na literatura. 

A antologia 'Dentro de Noute: Contos Góticos' reúne o melhor do gênero escrito por autores brasileiros e portugueses. São 27 textos de suspense e terror escrito pro autores como Eça de Queirós e Machado de Assis. O volume foi organizado por Ricardo Lourenço com capa de Ana Ferreira. 

O livro está disponível para download nos formatos EPUB e MOBI. BAIXE O LIVRO AQUI. Confira a lista completa de contos abaixo:

Contos e Novelas Portugueses
1. O Defunto — Eça de Queirós
2. A Dama Pé-de-Cabra — Alexandre Herculano
3. A Caveira — Camilo Castelo Branco
4. A Torre Derrocada — Alberto Osório de Vasconcelos
5. O Mistério da Árvore — Raul Brandão
6. O Corvo — Fialho de Almeida
7. A Feiticeira — Ana de Castro Osório
8. A Morta — Florbela Espanca
9. Os Canibais — Álvaro do Carvalhal
10. Uma Récita do Roberto do Diabo — Júlio César Machado
11. O Cadáver — Beldemónio
12. Sede de Sangue — Manuel Teixeira Gomes
13. A Confissão de Lúcio — Mário de Sá-Carneiro

Contos e Novelas Brasileiros
1. Noite na Taverna — Álvares de Azevedo
2. A Dança dos Ossos — Bernardo Guimarães
3. Os Porcos — Júlia Lopes de Almeida
4. Acauã — Inglês de Sousa
5. Violação — Rodolfo Teófilo
6. Maibi — Alberto Rangel
7. Assombramento — Afonso Arinos
8. 11 e 20 — Medeiros e Albuquerque
9. Demônios — Aluísio Azevedo
10. O Defunto — Thomaz Lopes
11. A Causa Secreta — Machado de Assis
12. O Bebê de Tarlatana Rosa — João do Rio
13. Confirmação — Gonzaga Duque
14. Os Olhos que Comiam Carne — Humberto de Campos
Read More

Amar, Rir e Comer é o novo livro da Editora Valentina

Baseado no bom senso, na ciência e na alimentação saudável, Amar, Rir e Comer é um guia acessível, simples e descomplicado para você melhorar sua saúde e prolongar sua expectativa de vida. De qualidade de vida, principalmente.

Com sabedoria prática e notória competência médica e científica, Dr. Tickell traz ao Brasil seu Programa ACE: Atividade Física, Controle Mental e Educação Alimentar.


Atuando simultaneamente sobre o corpo, a mente e a boca – os três fatores críticos da vida saudável –, o Programa ACE compreende um conjunto de instruções sobre como manter-se ativo, reagir às pressões externas controlando o estresse e alimentar-se de forma inteligente.

Read More

segunda-feira, 27 de março de 2017

Mentiras como o amor, traz questionamento sobre possessão nos relacionamentos


Imagine uma história que, ao mesmo tempo que encanta, também atormenta o leitor. Mentiras como o amor, lançamento da Editora Novo Conceito , é um desses livros para não conseguir parar de ler. Escrito pela inglesa Louisa Reid, esta é a segunda publicação da autora no Brasil.

Na história, Audrey é uma jovem de apenas 16 anos, que sofre com uma doença mental, que se agrava drasticamente. A garota tenta ainda a todo custo manter todos ao seu redor satisfeitos, principalmente a mãe, que é super protetora, e o irmão mais novo – mesmo que isso custe a própria felicidade.

Durante a busca da garota por uma cura, ela conhece Leo, um rapaz mais velho que traz muitas complicações e questionamentos para a vida da jovem. Com isso, Audrey se vê presa numa encruzilhada: continuar cuidando da família ou viver a vida como sempre desejou?

Repleta de drama e reviravoltas, Mentiras como o amor ainda debate sobre como relações amorosas, quando excessivas, podem se tornar um problema. Com informações importantes para o leitor sobre a Síndrome de Munchausen, é um livro para refletir e se emocionar.
Read More

Oficina explora linguagem dos quadrinhos na Casa de Cultura Mário Quintana


A Casa de Cultura Mario Quintana está com as inscrições abertas para a oficina Laboratório de Quadrinho, que ocorre entre os dias 5 de abril e 31 de maio. As aulas vão ocorrer todas as quartas-feiras, das 15h às 17h, na Sala Andradas (3º andar da CCMQ). O investimento é de R$ 100, com material incluso. Inscreva-se no site.

Ministrada pelo artista Carlos Jenisch, a oficina explora as possibilidades da linguagem dos quadrinhos com jogos, exercícios, brincadeiras e experimentos com diversos materiais, mesclando desenho com colagens, pinturas e fotografias para criar composições de páginas.

Ao final será produzido um zine coletivo, reunindo os trabalhos dos alunos.

Serviço
Pauta: Laboratório de Quadrinhos
Data: 5 de abril a 31 de maio | Quartas-feiras | 15h às 17h.
Local: Sala Andradas - 3ºandar da CCMQ (Andradas, 736).
Informações no e-mail laboratoriodehq@gmail.com.
Read More

domingo, 26 de março de 2017

Lugar de mulher é onde ela quiser


A jornalista e consultora financeira Patricia Lages responde a uma questão delicada: é possível conciliar a carreira e os relacionamentos afetivos. Segundo a autora de diversos livros sobre finanças – seu último lançamento é a obra Lugar de mulher é onde ela quiser – é possível, sim, manter uma relação saudável com o parceiro e ainda incentivar a carreira e o negócio.

“Construir uma carreira, empreender e buscar o crescimento econômico não é um caminho que só as solteiras podem trilhar, ao contrário, quando você tem uma pessoa ao seu lado, lutando pelos mesmos ideais, sua força de trabalho dobra.”, revela ela.

Para a consultora, o que realmente importa é ter uma pessoa de mente aberta, que não se sinta intimidado com o trabalho da mulher, e também um equilíbrio de tempo, da parte de ambos, entre relacionamento e trabalho. 

“É perfeitamente possível ter um casamento feliz e ser bem-sucedida, mas como em todo e qualquer projeto em que se deseja crescer e vencer é necessário ter um bom planejamento, uma execução precisa e análise periódica dos métodos e resultados. Casamento dá trabalho, mas quem disse que uma mulher empreendedora tem medo de trabalhar?”.

Sobre a obra: Baseando-se em estudos e pesquisas, mas com um texto bem-humorado e envolvente, a autora Patricia Lages cria um verdadeiro manual sobre empreendedorismo na obra Lugar de mulher é onde ela quiser, descomplicando o tema e estimulando as leitoras a promover uma transformação na carreira profissional. Falando das dificuldades da mulher no mercado de trabalho, imposições estabelecidas pela sociedade e empoderamento feminino, Patricia desvenda os segredos do mundo corporativo, dá dicas valiosas sobre empreendedorismo e mostra que a mulher quer mais do que trabalhar: ela deseja ter a liberdade de conquistar o seu espaço. Não o lugar onde dizem que ela deve estar, mas aquele em que ela escolheu estar.
Read More

sábado, 25 de março de 2017

O legado de Wells: a viagem no tempo é tema recorrente em produções culturais


Acredita-se que a primeira pessoa no mundo a falar em viagem no tempo foi o escritor H. G. Wells, pai da ficção científica, no renomado e incrível livro A Máquina do Tempo. O próprio termo "máquina do tempo" foi cunhado pelo autor. 

Visto que essa obra é considerada um dos grandes clássicos da literatura, o selo Via leitura, da Edipro, fez uma nova edição do livro, com o texto integral de sua primeira publicação. 

Na obra, de 1895, um cientista, apresentado na trama como ‘O Viajante do Tempo’, vive em Londres, na época vitoriana. Ele constrói uma máquina capaz de viajar pela Quarta Dimensão (o tempo) e ao testá-la acaba sendo transportado para o ano de 804.701. Nesta época, a humanidade é dividida entre os pacíficos Elóis e os Morlocks, habitantes dos subterrâneos. 

A trama se complica quando o cientista se aventura e enfrenta os Morlocks, pois eles guardam um importante segredo sobre o destino da humanidade. O livro A Máquina do Tempo foi o primeiro romance publicado por Wells. Seu sucesso instantâneo na época abriu as portas para todo um novo gênero literário, que encanta os leitores até hoje. 

Desde que essa obra se transformou em um feito, o tema viagem no tempo ganhou presença em desenhos animados, quadrinhos, livros e revistas. Além disso, todos já pensaram em voltar no tempo para reaver alguma atitude, ou dar um pulo no futuro para saber o que lhe aguarda. 

Esta ficção científica deve ser o ponto de partida para os amantes do gênero. Leva a reflexão do quanto a tecnologia e os avanços científicos podem interferir no futuro, e que podem transformar as pessoas em uma nova espécie humana e onde se habita em um novo mundo. 

Nesse quesito, Wells foi um dos pioneiros, não apenas escrevendo essa aventura clássica, mas também descrevendo o tempo como uma quarta dimensão, representação utilizada até hoje por muitos autores e roteiristas de histórias fantásticas.
Read More

sexta-feira, 24 de março de 2017

A Gravidade Zero de David Bowie


"Gravidade Zero" é o novo livro de poemas do escritor Alexandre Guarnieri, ganhador do Prêmio Jabuti em 2015. A nova obra, publicada pela editora Penalux, é um tributo ao cantor consagrado David Bowie que deu vida ao astronauta Major Tom nas canções “Space Oddity”, “Ashes to Ashes” e “Hallo Spaceboy’. 

Segundo o escritor, o livro conta sobre um astronauta perdido que decide escrever poemas sobre o que pode testemunhar em sua viagem pelo espaço e o sentido da vida que deixou para trás na Terra. 

- Minha inspiração veio das sessões de cinema de ficção científica e audições das músicas de Bowie, falecido há um ano, e de outros artistas - diz. 


O poeta diz que o caso de Major Tom é extremo porque ele parte numa viagem espacial e não está certo quanto ao seu destino, sua missão. Ele conta que ficou tão imerso nas músicas de Bowie que no final do livro indica as músicas que mais o inspiraram na escrita dos poemas e na ambiência do tema.

- Sinto que Gravidade Zero é a conclusão de uma trilogia composta por Casa de Máquinas e Corpo de Festim. Da máquina ao homem. E de volta à máquina para lançar o homem o mais longe possível, para além de toda a familiaridade, sozinho – comenta.
Read More

quinta-feira, 23 de março de 2017

Guten apresenta ferramenta digital para o ensino de leitura


O desafio do letramento no Brasil é imenso, uma vez que o índice de alunos alfabetizados que não compreendem o significado dos textos ainda é alto. Um bom nível de letramento só é possível quando o leitor de fato domina a leitura, com competências que permitem que compreenda e interprete textos; seja capaz de fazer conexões com outros conhecimentos; faça inferências; e possa distinguir fatos de opinião, entre outras habilidades. 

Para apresentar a sua ferramenta digital para o desenvolvimento da compreensão leitora a educadores de Fortaleza, a Guten Educação e Tecnologia – empresa que é especialista em leitura e que disponibiliza a única plataforma de linguagens que estimula o desenvolvimento da leitura por meio de textos jornalísticos – realizará um evento no dia 15 de março. O encontro terá a presença de Danielle Brants, fundadora da empresa, e Adriana Pettengill, diretora comercial.

Com conteúdos interativos, sequências de atividades, planos de aula e avaliação continuada com base em relatórios automáticos sobre as competências leitoras dos alunos, a Guten tem uma equipe formada por especialistas nas áreas da leitura, pedagogia, linguística aplicada, linguística computacional, jornalismo e tecnologia. A empresa acredita que grandes leitores podem ser também grandes agentes de transformação da sociedade.

Como o nível de letramento é insatisfatório, há um forte efeito multiplicador negativo – uma vez que a leitura é uma competência fundamental ao bom aproveitamento de todas as disciplinas e fontes de conhecimento. Para se ter uma ideia da relevância do tema, deficiências na área de matemática, por exemplo, podem estar ligadas a problemas de interpretação de textos, porque os estudantes não compreendem o enunciado das questões. 

Para mudar essa realidade, um número cada vez maior de escolas, em vários estados, adotou a plataforma Guten News. Com o uso da tecnologia da Guten, escolas em todo o Brasil estão combatendo o baixo letramento existente entre jovens e crianças. São mais de 30 mil usuários da plataforma Guten News em São Paulo (SP), Curitiba (PR), Rio de Janeiro (RJ), Fortaleza (CE), Recife (PE), João Pessoa (PB) e Rezende (RJ), com resultados muito positivos. Em Fortaleza, o Colégio Master e o Centro Educacional Evandro Ayres de Moura já dispõem de todas as funcionalidades da plataforma.

Na última década, o Ceará conquistou melhorias significativas na alfabetização e no letramento, com bons resultados no último levantamento realizado pelo Sistema Permanente de Avaliação da Educação Básica – Alfa (Spaece-Alfa), atingindo nível de proficiência em leitura de 185,6, quando a meta era 150 para o segundo ano do ensino fundamental. Mas ainda há um longo caminho a percorrer, em todo o país, para fazer com que os alunos sejam realmente leitores proficientes.

Entre as escolas que já adotam a plataforma da Guten estão, por exemplo, Colégio Elvira Brandão, Instituto Sidarta, Liceu Jardim, ABA Global School, Colégio Pentágono, Colégio Expoente, Colégio Motiva, Colégio Arbos, Colégio Humboldt, Anglo Morumbi, Colégio Salgueiro, Salesiano Resende e Colégio Integrado Americano.


Plataforma Guten News
A plataforma de leitura Guten News contém textos jornalísticos escritos em linguagem adequada ao público infantojuvenil e sequências de atividades “gamificadas” que desenvolvem a capacidade de compreender e de interpretar textos. Cada jogo avalia diferentes habilidades de leitura envolvidas na compreensão dos textos jornalísticos presentes na plataforma: por meio do uso de games, o leitor é motivado a ler artigos atuais que trazem conexões com o mundo e ampliam seu repertório cultural. O uso de textos sobre atualidades propicia a contextualização dos conteúdos escolares, sintonizando as escolas com os acontecimentos recentes da sociedade.

Após os alunos lerem e realizarem as atividades na plataforma, o professor pode acessar a ferramenta analítica que reúne todas as informações sobre a leitura dos alunos. Os educadores recebem relatórios para que possam intervir de forma personalizada com seus alunos, mapeando suas habilidades de leitura de maneira prática e efetiva, de acordo com a matriz de referências do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).

Com isso, a plataforma contempla alunos, professores e gestores escolares: 
  • alunos: contam com jogos de leitura que os motivam a ler enquanto conhecem mais sobre o mundo ao seu redor; 
  • professores: contam com material didático atualizado a cada semana; 
  • gestores de escolas: contam com uma ferramenta de avaliação da competência leitora que não requer a aplicação de provas e simulados, e que fornece dados semanais de acompanhamento continuado; 
“Uma das questões principais para a compreensão leitora dos estudantes e das pessoas em geral é o engajamento – é preciso ter uma atitude positiva frente ao texto. Depois disso, vem a conquista da proficiência. No que se refere ao engajamento, é importante o papel das novas mídias”, destaca Danielle Brants. O acesso ao aplicativo Guten News pode ser realizado via internet, o que permite aos jovens, seus pais e adultos em geral desenvolver a competência leitora também fora da escola (www.gutennews.com.br).

“Queremos transformar a maneira como a leitura é realizada em casa e no ambiente escolar, causar impacto na vida dos jovens brasileiros, transformar o modo como enxergam o mundo e ampliar seus horizontes, acreditando que grandes leitores podem ser também grandes agentes de transformação da sociedade. O atributo de ser um bom leitor é uma das formas mais democráticas de ampliar as fronteiras de vida do indivíduo”, afirma Danielle Brants.
Read More

Sampa, a cidade das sensações: amor, ação, dor e arte


A cidade da garoa vive em estado de alerta, poucas vezes as pessoas conseguem parar e observar tantas histórias e belezas que cercam as ruas, arquiteturas, praças e comércios. A advogada Cindy Stockler narra em ‘Operação Caipiroska’ um romance envolvente que acontece em São Paulo.

Na ficção, a aventura amorosa da sensual brasileira Maria Claudia e o misterioso russo Ivan Ivanovitch, decorre junto a uma envolvente narrativa sobre os lugares mais famosos da capital paulista. Permeia todas as sensações de um morador, que muitas vezes não tem tempo para saborear esses momentos, e também, demonstra como um turista sente-se ao experimentar cada gosto e cheiro desta cidade frenética.

Além de a grande metrópole ser palco deste caso de amor, os mistérios do russo começam a ser desvendados e a narrativa volta-se para uma espetacular operação policial de proporções internacionais.

A obra temporal ocorre no ano de 2005, momento conturbado não só para São Paulo, como também para o Brasil. Em meio ao Mensalão, CPI’s, Máfia do Apito, o referendo do desarmamento, entre outros episódios históricos, que se tornaram escândalos e, muitos deles, resultaram no atual momento político que o Brasil vive.

A inspiração da autora é baseada nos best-sellers internacionais que aproveitam a energia que o local tem. A enérgica Sampa é, como bem coloca a autora, “amor, ação e emoção”. Todas estas características a tornam o cenário ideal para o romance dos personagens que é repleto de dúvida, mistério, suspense, humor, malícia e entrega.

Além de todas as características da capital, o livro ainda contém uma trilha sonora carregada de brasilidades, inclusive com a rádio mais ouvida de nossas famosas MPB’s. O futebol, paixão nacional, também marca presença na obra. Para completar, narrada pela autora, a vista faz as pessoas imaginarem as atrações da Paulicéia ou da exuberante Mata Atlântica do litoral do Estado de São Paulo.

Cindy Stockler, em ‘Operação Caipiroska’, encanta com a história de Maria Claudia e Ivan, dois opostos que passeiam pelos lugares mais incríveis de São Paulo, faz com que a intensidade da cidade e dos personagens seja sentida pelos leitores.
Read More

quarta-feira, 22 de março de 2017

Duas mulheres e um segredo em 'A Última Camélia'

Sucesso de público, A Última Camélia, da best-seller Sarah Jio será publicado pela Editora Novo Conceito ainda no mês de março, atendendo aos muitos pedidos dos leitores nas redes sociais. Com este livro, será o quarto lançamento da autora norte-americana no Brasil.
A obra mistura épocas diferentes, com duas protagonistas intrigantes e cheias de mistérios. Flora Lewis é uma jovem americana vivendo nos anos 40, às vésperas da Segunda Guerra Mundial. Engajada em ajudar a família, ela viaja até a Inglaterra para uma empreitada perigosa na Mansão Livingston. Lá, ela irá trabalhar para o mercenário Philip Price, que planeja roubar o último espécime de uma rara camélia, conhecida como Middlebury Pink.
Porém, a busca arriscada da garota é iluminada por um amor arrebatador, ao mesmo tempo em que é ameaçada pela descoberta de uma série de crimes. Com o desenrolar dos capítulos, Flora irá deparar-se com mentiras e segredos obscuros por trás da cobiçada flor, além de confrontar um perigo imprevisível.
Cinco décadas depois, o leitor conhece a paisagista nova iorquina Addison, que por uma ironia – ou não – do destino passa a morar na lendária Mansão Livingston, que é propriedade de seu marido, Rex Sinclair. Agora, ela precisa fugir de um segredo que ameaça o futuro de seu casamento. Será que ela terá o mesmo destino de Flora?
A Última Camélia é uma junção intrigante de duas épocas muito distintas, mas ligadas de forma muito perspicaz pela autora. Com uma narrativa misteriosa e repleta de enigmas, o leitor irá descobrir que confiar nos personagens é arriscado, e a verdade por trás da história é implacável e surpreendente. 
Read More

Uma história de amor e amizade na Terra do Nunca

Sociedade J.M. Barrie, obra da americana Barbara J. Zitwer – conhecida pela produção do filme O Beijo do Vampiro – é um romance diferente e encantador. Lançamento da Editora Novo Conceito para o mês de abril, este livro certamente fará o leitor repensar conceitos de amizade e companheirismo. 

Na obra, Joey Rubin é uma arquiteta de 37 anos extremamente viciada em trabalho e com uma personalidade muito caridosa, o que faz com que seus colegas abusem de sua boa vontade. Ela ganha uma chance de trabalhar em um projeto fora do país e de extrema importância: reformar Stanway House, casa que supostamente J.M. Barrie escreveu o clássico Peter Pan, o livro preferido dela.

Além da relevância deste trabalho, Joey ainda viu na mudança para a Inglaterra uma oportunidade de transformar a vida solitária que possuía em Nova York. Mas, apesar de ter reencontrado Sarah, sua melhor e mais antiga amiga, ela deparou-se com um choque cultural epercebeu que seria um pouco difícil de lidar com os residentes locais.

Apesar das dificuldades, a arquiteta tenta concentrar todo o esforço possível na restauração de Stanway House, mas tudo fica ainda mais confuso quando ela conhece Ian, o antipático zelador da residência – que também é muito atraente. O que só complica ainda mais a situação.

No meio de tantas adversidades, Joey é surpreendida por um grupo de senhoras, moradoras da casa e muito alegres. Elas são membras da Sociedade de Natação J.M. Barrie, as quais enfrentam as águas geladas do lago de Stanway House desde 1864, tradicionalmente. O grande desafio é conquistar o conhecido Troféu Peter Pan. De forma inesperada e divertida, essas octogenárias transformarão a vida de Joey.
  
Sociedade J.M. Barrie mostra como uma amizade incomum pode mudar a maneira de alguém enxergar o mundo. A obra é um romance divertido e demonstra como o amor pode estar nas mais simples coisas – como um mergulho.
Read More

domingo, 19 de março de 2017

Logan: colecionáveis do mutante estão à venda na Iron Studios Concept Store


Criado em 1974, Wolverine, o mutante mais famoso do mundo, teve sua primeira aparição nas histórias em quadrinhos como rival coadjuvante do Incrível Hulk. Seus poderes incluem sentidos aguçados, garras retráteis e grande capacidade regenerativa, conhecida como “fator de cura”, que retarda seu envelhecimento.
Wolverine Marvel Select (Diamond) com cerca de 18 cm por 119,90 reais

Visual clássico do herói nos quadrinhos com o traje usado nos anos 1970 e na popular série animada dos anos 1990

Com estimados mais de cem anos, James Howlett adotou o nome de seu suposto pai biológico, Logan, e atuou na Guerra Civil Americana, na Segunda Guerra Mundial, foi agente secreto da C.I.A. e do Serviço Secreto Canadense, e foi cobaia do governo Canadense em uma experiência (o Programa Arma X) na qual seu esqueleto e garras foram revestidos por Adamantium (metal fictício indestrutível).

Wolverine Premium Format (Sideshow) Art Scale ¼ por 3299,90 reais

Com o uniforme criado nos anos 1980, imortalizado nas HQs do herói produzidas por Frank Miller

Sem muitas lembranças de seu passado, adotou o codinome Wolverine e tornou-se um dos mais importantes membros dos X-Men, além de participar de outros grupos, como: Tropa Alfa, X-Force e Novos Vingadores.

Atualmente nos cinemas, o longa-metragem Logan encerra a carreira na interpretação de Hugh Jackman, com a marca recorde do ator que interpretou o mesmo personagem mais vezes no cinema. Contando como protagonista até pequenas participações, foram nove vezes em 17 anos.

Wolverine Marvel NOW! (Kotobukiya) em Art Scale 1/10 por 3590,90 reais

Visual mais contemporâneo nas HQs, usado pelo herói na linha editorial Marvel NOW!

Com duas unidades em São Paulo e uma no Rio de Janeiro, a Iron Studios Concept Store é uma das principais lojas conceito de colecionáveis do Brasil, e conta com diversos produtos do universo de cultura pop. Para saber mais, acesse: www.facebook.com/ironstudios.
Read More

sábado, 18 de março de 2017

Ação mundial incentiva produção e consumo de livros independentes


O Brasil participa pela primeira vez neste sábado (18) do Indie Book Day, uma iniciativa mundial para incentivar a produção e circulação de livros independentes. Mais de 30 livrarias estão na promoção e elas foram convidadas a expor, neste dia, obras com mais destaque. A proposta é que leitores visitem os locais de venda, comprem esses livros e compartilhem mensagens com a hashtag #IndieBookDay nas redes sociais.

Em São Paulo, uma oportunidade para encontrar as obras independentes é o festival Plana, que ocorre no Pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera, coincidentemente na mesma data. Estarão reunidas mais 200 editoras. A lista dos locais que participam da ação pode ser encontrada aqui.

O primeiro Indie Book Day foi há 5 anos em Hamburgo, na Alemanha, encabeçada pela editora Mairisch. Entre 2014 e 2016, outros países – Reino Unido, Holanda, Itália e Portugal – aderiram ao convite de dedicar um dia à exaltação da publicação independente.

No Brasil, a ação foi trazida pelos editores Gustavo Faraon, da Dublinense, e João Varella, da Lote 42, depois que eles participaram da Feira do Livro de Frankfurt e conheceram os organizadores do Indie Book Day.

Mercado
Varella destaca o bom momento do mercado editorial independente no país. “É difícil apontar uma explicação para isso, mas algumas pistas talvez venham dessa questão que os independentes exploram projetos gráficos. A nova onda de editores tende a explorar a materialidade do livro. Todo mundo está consumindo muito texto na tela, no computador, no tablet. Para justificar porque este texto merece ser impresso, o livro vai dar uma experiência que só o impresso faz”, disse.

O mercado editorial independente tem como característica o contato direto com o leitor por meio das feiras, sem intermediários. Mas Varella destaca que uma das propostas do Indie Book Day é também fazer um “chamado às livrarias para que elas apoiem essa movimentação”.

Ele explicou ainda que o setor não trabalha com grandes investidores e não tem capital vinculado a grandes multinacionais. Além disso, a produção “é mais experimental em termos de narrativa, de temáticas, em termos de formatos”, explicou o editor da Lote 42.

Varella critica a excessiva publicação de traduções no mercado editorial brasileiro. “Uma editora tradicional está muito vinculada à busca do best-seller, muita tradução”, apontou. Na avaliação do editor, perde-se uma rica produção literária brasileira pela necessidade de apostar “no que já é certo”. “Grandes editoras estão muito interessadas no que já foi testado e aprovado no mercado externo”, finalizou.
Read More

sexta-feira, 17 de março de 2017

Chega às livrarias Execução, último volume da série "Fuga de Furnace"

Para quem gosta de ação e aventura, Execução (Benvirá, R$ 34,90), novo livro da série “Fuga de Furnace”, de Alexander Gordon Smith, é uma ótima opção. O quinto e último volume da saga, que coleciona uma legião de leitores, narra a busca de Alex Sawyer por Alfredo Furnace, criador da penitenciária na qual o garoto passou os piores momentos de sua vida.

Após finalmente escapar da assustadora penitenciária de Furnace e matar o diretor Cross, Alex tem uma nova missão: encontrar e destruir Alfredo Furnace. Mas essa busca não será fácil, e Alex enfrentará um novo pesadelo ao se tornar um experimento em um hospital militar.

Para conseguir fugir e alcançar seu objetivo, Alex precisará da ajuda de seus inseparáveis amigos e de seres que foram seus maiores inimigos dentro da Penitenciária de Furnace: ternos-pretos e vikings. A partir daí, muitos mistérios rondam a aliança de Alex com essas criaturas e o interesse de Alfredo Furnace em manter o garoto vivo. 

Sobre a série
Composta por cinco volumes -- Encarcerados (1), Solitária (2), Sentença de Morte (3) e Fugitivos (4) --, a série Fuga de Furnace gira em torno do jovem Alex Sawyer, um delinquente juvenil condenado injustamente por um crime que não cometeu: o assassinato de seu amigo, Toby. Ao chegar à Penitenciária de Furnace, Alex descobre que o lugar é muito mais do que uma unidade correcional, é um laboratório onde coisas muito sinistras acontecem. 

SOBRE O AUTOR
Nascido em 1979, em Norwich, Inglaterra, Alexander Gordon Smith sempre quis ser escritor. Estudou Inglês e Literatura Americana na Universidade de East Anglia, e foi ali que começou a escrever. Ao lado do poeta Lucas Wright, fundou a Publishing Egg Box, uma revista para promoção de novos autores.
Read More

Ação, aventura e magia dão o tom ao 1º Volume de Dragon’s Dogma Progress

Editora JBC confirma o lançamento do mangá Dragon’s Dogma Progress #01, de Hirotoshi Hirano, para fevereiro de 2017. O mangá, baseado no jogo de RPG Dragon’s Dogma, terá dois volumes e será distribuído em bancas e lojas especializadas do Brasil pelo selo Ink Comics.

Sobre o mangá
Magia e batalhas épicas marcam a jornada da protagonista Carrol em Dragon’s Dogma Progress, o segundo lançamento da JBC em 2017. A história transporta para os mangás um dos mais famosos jogos de videogame lançado pela Capcom, conhecida por franquias de sucesso como Street Fighter, Dark Souls e Darkstalkers.

Completa em 2 volumes, a minissérie foi lançada no Japão em 2013 pela editora Hakusensha no portal Young Animal Densi.

Hirotoshi Hirano foi o responsável por adaptar o universo dos games para os quadrinhos e o resultado é primoroso. O traço de Hirano impressiona pelos detalhes e realismo ao mesmo tempo que ele impõe uma dinâmica ágil na narrativa da jornada de Carrol em busca da fera que o amaldiçoou.

Ao longo das duas edições que formam Dragon’s Dogma Progress, Hirotoshi Hirano também usa de sua habilidade para apresentar diversos personagens, seus poderes e inúmeros lugares até a épica batalha final do jovem herói contra o abominável Dragão.

A História
Em uma era longínqua, quando a lei era forjada no campo de batalha com sangue, suor e magia, um jovem guerreiro de coração puro e espírito inabalável irá se erguer para enfrentar a mais horrenda fera que vivera nessa época: um dragão que espalhava morte e destruição por onde passava.

Conta-se que quando o Dragão ressurge no mundo, ele procura por um guerreiro cuja bravura e determinação são únicas para lhe devorar o coração. Caso consiga sobreviver a tal ataque, o escolhido “revive” como o Desperto (Arisen), um lendário guerreiro que é o único com poder capaz de derrotar a fera que lhe tomou a vida.

Em tempos imemoriais, um gigantesco Dragão devastou a simplória vila pesqueira de Cassardis. Em meio ao ataque, o jovem Carrol ousou erguer a espada contra o monstro para defender seu lar e seus amigos. Diante de tamanha coragem, a criatura escolheu o bravo pescador para tomar-lhe o coração.

Todos haviam pensado que Carrol tinha morrido. Porém, o jovem voltou à vida como o Desperto. Carregando consigo a maldição imposta pelo Dragão, Carrol decide partir em uma jornada para matar a fera colossal.

Munido de sua espada e de seu escudo, em seu caminho o guerreiro enfrenta todo tipo de criaturas demoníacas, desde bandos de globins até gigantescos golens e ciclopes devoradores de homens.

Em sua jornada em busca do Dragão, o Desperto tem o apoio de seus Pawns, peões leais e determinados a dar suas próprias vidas no campo de batalha, para defender seu mestre. A líder é a bela Elize, uma mortífera guerreira extremamente hábil com suas adagas. O arqueiro Fletcher e o mago Stan completam o time.

Muita ação e aventura aguardam pelo jovem herói e seus amigos em Dragon’s Dogma Progress #01!!
Read More

quarta-feira, 15 de março de 2017

Conheça a história de Ella Harper e da família Royal

Ella Harper é uma sobrevivente. Nunca conheceu o pai e passou a vida mudando de cidade em cidade com a mãe, uma mulher instável e problemática, acreditando que em algum momento as duas conseguiriam sair do sufoco. Mas agora a mãe morreu, e Ella está sozinha. É quando aparece Callum Royal, amigo do pai, que promete tirá-la da pobreza. A oferta parece tentadora: uma boa mesada, uma promessa de herança, uma nova vida na mansão dos Royal, onde passará a conviver com os cinco filhos de Callum. 

Ao chegar ao novo lar, Ella descobre que cada garoto Royal é mais atraente que o outro - e que todos a odeiam com todas as forças. Especialmente Reed, o mais sedutor, e também aquele capaz de baixar na escola o "decreto Royal" - basta uma palavra dele e a vida social da garota estará estilhaçada pelos próximos anos. Reed não a quer ali. Ele diz que ela não pertence ao mundo dos Royal. E ele pode estar certo. 

"Reed dá outro passo, até estarmos tão próximos que cada respiração faz nossos corpos se tocarem.
Ele é lindo o bastante para a minha boca secar e eu começar a formigar em partes que eu gostaria de pensar que um babaca como ele jamais faria despertar. Mas outra lição que aprendi com a minha mãe é que seu corpo pode gostar de coisas que sua cabeça odeia. Só que é a cabeça que tem que estar no comando. Esse era um dos conselhos dela estilo "faça o que eu digo e não o que eu faço".
Ele é um babaca e quer machucar você, grito para o meu corpo."
 
Read More

terça-feira, 14 de março de 2017

A Guerra que Salvou a Minha Vida lançamento do selo Darklove

A Guerra que Salvou a Minha Vida é um daqueles romances que você lê com um nó no peito, sorrisos no rosto e lágrimas nos olhos entre um parágrafo e outro. Uma obra sobre as muitas batalhas que precisamos vencer para conquistar um lugar no mundo.

Ada tem dez anos (ao menos é o que ela acha). A menina nunca saiu de casa, para não envergonhar a mãe na frente dos outros. Da janela, vê o irmão brincar, correr, pular – coisas que qualquer criança sabe fazer. Qualquer criança que não tenha nascido com um “pé torto” como o seu. Trancada num apartamento, Ada cuida da casa e do irmão sozinha, além de ter que escapar dos maus-tratos diários que sofre da mãe. Ainda bem que há uma guerra se aproximando.


Os possíveis bombardeios de Hitler são a oportunidade perfeita para Ada e o caçula Jamie deixarem Londres e partirem para o interior, em busca de uma vida melhor.


Kimberly Brubaker Bradley consegue ir muito além do que se convencionou chamar “história de superação”. Seu livro é um registro emocional e historicamente preciso sobre a Segunda Guerra Mundial. E de como os grandes conflitos armados afetam a vida de milhões de inocentes, mesmo longe dos campos de batalha. No caso da pequena Ada, a guerra começou dentro de casa.


Essa é uma das belas surpresas do livro: mostrar a guerra pelos olhos de uma menina, e não pelo ponto de vista de um soldado, que enfrenta a fome e a necessidade de abandonar seu lar. Assim como a protagonista, milhares de crianças precisaram deixar a família em Londres na esperança de escapar dos horrores dos bombardeios.
Read More

domingo, 12 de março de 2017

J. Lynn chega ao Brasil com série apimentada para os Jovens

A autora best-seller do The New York Times, Jennifer L. Armentrout como J. Lynn estreia no mercado brasileiro com o livro Espero por você, obra que chega em fevereiro pelo Grupo Editorial Novo Conceito. Ótimo presente para os leitores apreciadores de um bom romance, o título é envolvente, repleto de mistérios e irá estimular a paixão de todos que o lerem.

Na obra, Avery Morgansten é uma jovem de dezenove anos que, para fugir do passado difícil, mudou-se para uma cidade distante, onde ninguém a reconheceria. Não chamar atenção, continuar com uma vida pacata e, quem sabe, fazer alguns amigos novos eram as metas que ela tinha. O único fator agravante é a presença inquietante de Cameron Hamilton.

Cam, como é conhecido, possui grandes olhos azuis, um corpo escultural, e a improvável habilidade de fazer com que Avery tenha vontades há muito tempo esquecidas. Se envolver com ele é perigoso, mas ignorar os desejos e as faíscas que são soltas a cada encontro entre eles é quase impossível.

“— Você me atropelando, eu quase atropelando você? — elaborou Cam. — É como se fôssemos uma catástrofe prestes a acontecer.” (p.22)

Porém, os fantasmas do passado de ambos insistem em permanecer no caminho. Para ela, se libertar do trauma do abuso que sofreu vai ser o grande passo não só para uma nova vida, mas para um novo amor.

Misturando pitadas de humor com problemas da vida real, Espero por você, é o primeiro livro de uma picante série com 6 volumes. Um romance sedutor e apaixonante, que deliciará os leitores do começo ao fim e vai apimentar a leitura de todos.
Read More

sábado, 11 de março de 2017

Como vencer a crise política, econômica e moral no Brasil?

Milhares de brasileiros vivem como meros espectadores das decisões tomadas pela classe governante do país. A democracia, na prática, só é vivida pelos que detêm o poder político. 

A população precisa fazer da cobrança um hábito, porém suas ações são espasmódicas. Dar continuidade, nas ruas, às manifestações públicas é indispensável para se vencer a crise política, econômica e moral. Torna-se inaceitável, em plena democracia, receber um tratamento de desmando, opressão e abuso de autoridade por parte dos governantes. 

Depois do aclamado Convulsão Protestante, Antônio Carlos Costa, jornalista, pastor, teólogo, fundador da Escola Teológica Reformada e presidente da ONG Rio de Paz, acaba de lançar seu mais novo livro Teologia da trincheira - Reflexões e provocações sobre o indivíduo, a sociedade e o cristianismo. Em linguagem simples e com grande profundidade, Antônio Carlos Costa compartilha reflexões inspiradoras e debates sobre temas difíceis como a missão da Igreja e a ação política.

Antônio Carlos Costa, jornalista, pastor, teólogo, fundador da Escola Teológica Reformada e presidente da ONG Rio de Paz, acaba de lançar seu mais novo livro: Teologia da trincheira - Reflexões e provocações sobre o indivíduo, a sociedade e o cristianismo.

No livro, Antônio compartilha reflexões inspiradoras sobre temas importantes da doutrina cristã e aponta o caminho bíblico e cristalino para uma vida de fé fervorosa, comprometida com o Reino de Deus e com o próximo.

Escrito em meio ao furacão que passou pela vida do autor, depois que fundou a Rio de Paz, em 2007, o livro não somente traz à tona as verdades transformadoras fundamentadas nas Escrituras, mas desvela também o coração de alguém que está trabalhado corajosamente nas fronteiras mais desafiadoras do ministério pastoral, ao lado dos mais pobres e vulneráveis. 

"Desde a manifestação em que fincamos cruzes na areia da praia de Copacabana para protestar contra a letalidade no Rio de Janeiro, minha vida passou por mudanças que eu jamais imaginaria. Nunca pensei que vivenciar o cristianismo fosse me envolver em tantos problemas, fazer-me passar por tamanhas aflições e exigir de mim uma dose de coragem muito além do que eu poderia cogitar".
- Antônio Carlos Costa

Em linguagem simples e com grande profundidade bíblica, incluindo temas difíceis como a missão da Igreja e a ação política, é leitura indispensável para os que desejam compreender o que se passa com a Igreja evangélica brasileira e sonham com uma vida e uma Igreja genuinamente saudável e engajada socialmente.
Read More

sexta-feira, 10 de março de 2017

Vertigo (Um corpo que cai) e A dama oculta são os títulos de luxo da Coleção Hitchcock

Após a publicação de Spotlight: segredos revelados, o livro que inspirou o filme vencedor do Oscar 2016, a Vestígio, editora pertencente ao Grupo Autêntica, segue apostando em clássicos na publicação de livros ligados a grandes obras do cinema. O objetivo da editora é ampliar o catálogo, reconhecido por oferecer literatura policial de qualidade com autores europeus referências nos gêneros de thrillers, scandi crime e suspenses históricos, e assim conquistar também os amantes da sétima arte.
Os títulos Vertigo (Um corpo que cai) e A dama
oculta inauguram a Coleção Hitchcock, que traz edições em capa dura e acabamento de luxo das obras que deram origem aos consagrados filmes de Alfred Hitchcock, reconhecido como o maior cineasta de suspense de todos os tempos.

De autoria dos aficionados por literatura policial Pierre Boileau e Thomas Narcejac, considerados especialistas na arte de conduzir a história até onde menos se espera, o instigante e sinistro Vertigo (Um corpo que cai) tem como cenário a Paris da Segunda Guerra Mundial, onde o detetive Flavières procura desvendar os mistérios de Madeleine, a bela e jovem esposa de Gévigne, seu cliente. A obra foi adaptada por Alec Coppel e Samuel A. Taylor e deu origem ao filme Um corpo que cai, considerado a obra-prima do mestre do suspense. Aliás, mal sabia ele que a dupla Boileau-Narcejac havia escrito o livro especialmente para Hitchcock, após descobrir que o diretor havia tentado adquirir os direitos de adaptação de outro livro deles, Celle qui n‘était plus.
Em 1936, Ethel Lina White publicou The Wheel Spins, cujos direitos foram adquiridos pela companhia Gaumont-British para ser transformado em filme, sob o título The Lost Lady. O diretor irlandês Roy William Neill foi o escolhido para as gravações e uma equipe foi enviada para a Iugoslávia para fazer as filmagens. No entanto, quando a polícia local descobriu acidentalmente que havia sido retratada de modo pouco elogioso no script, a equipe foi expulsa do país, e Black arquivou o filme. Um ano depois, o projeto caiu nas mãos de Alfred Hitchcock. O diretor normalmente se mostrava contrário a assumir projetos que já tinham estado nas mãos de outros diretores, mas a história parecia pedir passagem para as telas. O resultado foi A dama oculta, considerado como o auge do período britânico do cineasta. O livro que deu origem ao clássico homônimo de Hitchcock é uma obra envolvente e extraordinária e sua força está na maestria com que a autora constrói atmosferas sinistras e perturbadoras, que pairam até mesmo sobre as cenas mais corriqueiras.
Já disponível nas livrarias do Brasil, as obras são um deleite para os apaixonados por suspense, literatura, cinema e Hitchcock.
Read More

quinta-feira, 9 de março de 2017

O Diário de Anne Frank ganha versão em quadrinhos

Em 1942, Anne Frank, uma garota judia de apenas 13 anos, é forçada a se esconder com a família diante das constantes ameaças dos nazistas. Em seu diário, ela narra a própria história, privada do mundo exterior, enquanto sonha em ter sua liberdade de volta. Por meio dele, podemos acessar os sentimentos mais profundos da garota que, presa por tanto tempo em um pequeno abrigo com outras sete pessoas, ainda se revela uma jovem engraçada, sensível e cheia de esperança.
Anne Frank não conquista a tão sonhada liberdade, mas sua história sobrevive.
O diário de Anne Frank em quadrinhos de Mirella Spinelli é uma adaptação do título O anexo: notas do diário de 12 de junho de 1942 a 1º de agosto de 1944, um relato doce e, ao mesmo tempo, melancólico da menina judia e sua experiência durante a Segunda Guerra.
Read More

Conteúdo Relacionado

© 2011 Uma Leitora, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena