domingo, 30 de setembro de 2018

Diferença entre dever, vocação e carreira


No novo volume da coleção TED Books, Trabalhar para quê?, lançado pela Editora Alaúde, o autor Barry Schwartz aborda sobre como as pessoas estruturam o seu trabalho, e sistematiza os aspectos que ajudam as pessoas a encontrarem um significado e satisfação, independente do cargo.

Segundo o livro, as pessoas que veem o trabalho como um “dever“ desfrutam de pouca autonomia e vivenciam o mínimo de comprometimento ou significado. Aquelas que só cumprem com as obrigações veem o trabalho como uma necessidade da vida, trabalham por dinheiro, mudariam de emprego se tivessem a chance de ganhar mais, não veem a hora de se aposentar e não incentivariam os amigos ou filhos a seguir seus passos.

As pessoas que veem o trabalho como uma “carreira” geralmente desfrutam de mais autonomia e são mais comprometidas. Elas podem até gostar do que fazem, mas têm o foco no progresso. Elas se veem seguindo uma trajetória que leva à promoção, a salários mais altos e a um trabalho melhor.

Mas são as pessoas que veem o trabalho como uma “vocação” que o consideram mais gratificante. Para elas, trabalhar é uma das coisas mais importantes da vida e elas estão satisfeitas com o que fazem, o trabalho é parte essencial da sua identidade, elas acreditam que o seu serviço torna o mundo melhor e incentivam os amigos e os filhos a fazer o mesmo tipo de trabalho. As pessoas para as quais o trabalho é uma vocação obtêm muita satisfação com o que fazem.

E você? Atualmente exerce um dever, uma carreira ou sua vocação?
Read More

sábado, 29 de setembro de 2018

O que falta para as pessoas se tornarem ricas?


Bruno Gimenes, palestrante, professor e escritor com mais de 20 obras no currículo, lança O Tratado da Prosperidade, publicado pela Luz da Serra Editora. O livro traz um método poderoso apresentado pelo autor, que transformará a vida de cada leitor, independentemente do que faz, do estilo de vida, classe social ou grupo a que pertence.

A obra, que funciona como um passo a passo seguro e prático para atingir a prosperidade definitiva, levará ao leitor informações poderosas, como qual é o DNA e os dois níveis da prosperidade, quais são os 12 elementos do Mindset (atitude mental), entre outros. São estratégias e conceitos disruptivos, inovadores, pouco conhecidos e alguns até polêmicos.

(...) o ingrediente principal da prosperidade é viver a sua missão de vida, ser o que nasceu para ser. Na minha concepção de vida, não há prosperidade se não existir esse alinhamento. Sempre atuei dessa forma. Já mentorei pessoas que, apesar de saberem tudo sobre educação financeira, não conseguiam prosperar. Tudo isso porque elas não sabiam que a prosperidade é um estado de consciência que carrega em si três pilares básicos: ser feliz, saudável e rico.

O Tratado da Prosperidade é voltado também para pessoas obrigadas a trabalhar com o que não gostam para manter uma vida financeira estável; desanimadas para conquistar os sonhos; aqueles desprovidos do apoio da família; os que lutam todos os dias, mas o esforço não vai para outro nível; ou para quem deseja o crescimento tanto na vida profissional, como na pessoal.

O Tratado da Prosperidade é o que você estava esperando para se tornar o Criador da Sua Realidade. Você saberá, com toda autonomia e segurança, o passo a passo seguro para criar a realidade que você sempre imaginou (e até muito melhor que já imaginou) e dar início à vida dos seus sonhos.

As práticas propostas pelo autor funcionam para qualquer pessoa, pois elas simplesmente respeitam leis naturais que regem a vida. Não importa se quem lê está saudável ou doente, se quer resolver problemas crônicos ou se quer deixar a vida melhor. O livro também contém exercícios que possibilitam aos leitores o autoconhecimento e a descoberta do que falta para alcançarem a prosperidade.
Read More

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Conheça "Índia: sabores e sensações", de Zeca Camargo e Varunesh Tuli


Zeca Camargo e Varunesh Tuli convidam você para explorar a comida indiana sem sair de casa em mais de 30 receitas vegetarianas. Nas muitas viagens que fez até um dos países mais populosos e intrigantes do mundo, Zeca Camargo descobriu que a verdadeira culinária “típica” indiana é aquela encontrada em lares, preparada por cozinheiras e cozinheiros para alimentar suas famílias. Com a ajuda do amigo Varunesh Tuli, ele experimentou os mais diversos pratos e conheceu a hospitalidade e a generosidade dos indianos.

Este livro é resultado da vontade de Zeca de compartilhar sua paixão pela Índia — os sabores e aromas que se confundem com as lembranças de suas visitas. Reunindo mais de 30 receitas vegetarianas tradicionais e relatos de viagens, os autores pretendem inspirar quem nunca pisou naquela terra a mergulhar no universo de sensações que é a Índia.

Read More

quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Ícone da Guerra do Vietnã lança livro no Brasil

Kim Phuc Phan Thi, a garota que ficou mundialmente conhecida por protagonizar a icônica imagem durante a Guerra do Vietnã, em 8 de junho de 1972, vem ao Brasil neste mês lançar sua autobiografia A menina da foto – Minhas memórias: Do horror da guerra ao caminho da paz. Na foto registrada por Nick Ut, fotógrafo da Associated Press, Kim tinha 9 anos de idade e havia acabado de ter o corpo queimado após um ataque a bomba ao vilarejo onde morava com a família. Ela corre sem roupas em meio a crianças e soldados e chamou atenção do fotógrafo, que após o clique, ajudou a socorrê-la e tornou-se um amigo pessoal durante toda sua vida. 

O livro é um dos principais destaques da primeira edição do Encontro Literário IDE, que será realizado entre 27 e 30 de setembro, no Auditório Elis Regis, no Anhembi, em São Paulo. O evento é uma iniciativa do Instituto Conhecer Brasil – Organização de Sociedade Civil de Interesse Público e ainda terá a parceria da Secretaria de Cultura da Cidade de São Paulo e da Rede do Bem Group, com apoio da 14ª Expo Cristã. Kim será uma das palestrantes do evento e irá falar, no dia 28 às 20h, sobre sua obra, fé e paz.

O Encontro Literário integrará uma série de eventos, entre palestras e seminários, além do Prêmio IDE, implementado para promover o mercado, incentivar a leitura, reconhecer os melhores projetos editoriais e avaliar a qualidade e o diferencial das obras. Novos escritores e alguns dos mais consagrados autores participarão do encontro, que reunirá o melhor da produção literária nacional e internacional.
Sinopse: As ordens do soldado não poderiam ser mais claras para Kim. Ela e as demais crianças correram, mas não o suficiente para escapar de mais um ataque de Napalm, na Guerra do Vietnã, transformando a estrada em que fugia numa bola de fogo e atingindo seu corpo com queimaduras excruciantes. A imagem que ilustra a capa deste livro tornou-se um ícone da barbárie da guerra, e a personagem principal da foto é quem conta sua história de sofrimento e redenção nesta autobiografia de forte impacto. A menina da foto apresenta uma história real de elevada carga emocional sobre como Deus pode transformar circunstâncias catastróficas em uma nova trajetória de paz e esperança.
Read More

Minha Vida Não É Cor-De-Rosa retrata com delicadeza o despertar para questões importantes

No dia 4 de agosto, às 15h, na Livraria NoveSete (Rua França Pinto, 97, Vila Mariana), em São Paulo, a autora Penélope Martins lança pela Editora do Brasil o seu novo livro Minha Vida Não É Cor-De-Rosa. Na ocasião, haverá também um bate-papo especial entre a autora e o Supervisor Editorial da Editora do Brasil, Gil Vieira Sales, sobre o processo de criação e edição do livro, além de temas abordados na obra, tais como feminismo, direitos humanos e igualdade.

Minha Vida Não É Cor-De-Rosa faz parte da série juvenil Toda Prosa, que foi concebida especialmente pela Editora do Brasil para ser um divisor de águas no mercado de livros para os jovens leitores. Desenvolvida em um projeto gráfico atrativo e inovador, a série conta com ilustrações coloridas e com alta qualidade estética, aliada a textos que primam também pela grande qualidade literária. Com temáticas bastante diversas, as histórias de Toda Prosa abordam assuntos desde o cotidiano dos adolescentes até narrativas fascinantes e misteriosas, que retratam o folclore e a história do Brasil.

Em Minha Vida Não É Cor-De-Rosa, a sensível protagonista do livro enquanto busca seu lugar no mundo, precisa lidar com as responsabilidades, namoros e amizades complicadas. Além disso, tenta superar dois casos de assédio conversando com as amigas e com os pais, se mobilizando na escola, sendo uma boa aluna e fazendo a diferença no mundo. O livro é intenso e aborda temas difíceis de maneira bastante delicada, retratando com doçura o despertar para questões importantes como o feminismo, a desconstrução de estereótipos, a igualdade e os direitos humanos. Ao longo das páginas do livro, o leitor irá acompanhar o desabrochar dessa adolescente. Os temas são tratados como florescimento para as alegrias e tristezas da vida.
Read More

quarta-feira, 26 de setembro de 2018

Teatro para manter acesa a chama do circo com músicas e risos


O livro, uma peça de teatro, mostra a briga entre dois palhaços para reger, cada um à sua maneira, um quarteto de cordas. A intenção dos autores – o grupo premiado Esparrama e a maestrina Ester Freire – é que as trapalhadas dos palhaços Batatinha e Nerdolino levem o espectador ao mundo da música por meio da mistura de teatro, piadas, musicalização e muitas gargalhadas.

“A ideia de fazer dialogar música erudita e teatro veio da maestrina Ester Freire. Foi o desafio que colocamos para esse espetáculo, cujo objetivo é mostrar que a música, independentemente do seu estilo, é uma linguagem universal, que pode interessar a qualquer público e idade”, conta Luciana Gandelini, do grupo Esparrama.

As cenas engraçadas de Batatinha e Nerdolino são entrecortadas pelas músicas do quarteto, que tem dois violinos, uma viola e um violoncelo, uma formação que surgiu na história da música clássica entre 1750 e1820. Na tentativa de assumir o papel de regentes do quarteto, os dois se depararão com uma surpresa. Até lá, os diálogos mostram a diversão que uma peça como esta pode proporcionar ao ser encenada. Para os amantes do teatro, é mais uma alternativa para encenar uma peça, que possibilita adaptação de local, de músicos e de cenário, mantendo acesa a chama das artes circenses.

Ainda agrada o fato de os cuidados com a edição de 2POR4 serem um espetáculo em si, desde a capa, passando pela introdução, pela apresentação dos personagens, pelo cenário, pelos diálogos, até a apresentação das biografias dos autores, das músicas e dos compositores, o pequeno glossário musical e as propriedades de som e demais anexos.

A qualidade visual do projeto gráfico com ilustrações primorosas de Jana Glatt, de um colorido vivo em vermelho, azul, mostarda e preto, complementam os diálogos coloridos e fazem o leitor imaginar o campo de ação dos palhaços e das cenas, deixando claro que o espetáculo no livro se passa em um picadeiro, mas que pode ser encenado em qualquer lugar.

As dificuldades que podem existir em uma edição de peça de teatro foram superadas devido a esse cuidado especial com a linguagem visual, a partir do auxílio proporcionado para imaginar o conteúdo da peça dramatizado em um espaço físico.

O espetáculo 2POR4 foi o primeiro do grupo, que nasceu em 2012 e viajou dezenas de cidades do interior do Brasil com mais de 250 apresentações, sempre com o objetivo de desenvolver pesquisas sobre a linguagem do palhaço e do teatro infantil.

O grupo conta com seis membros: Iarlei Rangel, que é o diretor do 2POR4; Kleber Brianez, que, junto com Ester, recebeu o prêmio São Paulo de Teatro Infantil na categoria Revelação – Direção; a atriz Ligia Campos; Luciana Gandelini; Rani Guerra; além da ilustradora Jana Glatt.

“O livro tem a intenção de incentivar uma aproximação mais divertida com o circo, o teatro, o palhaço e também a música, sobretudo porque ele abre o espaço para um diálogo com essas linguagens de uma forma prática. Nossa intenção foi criar facilitadores para que esta edição fosse usada de diversas formas, inclusive pelos professores no ambiente educativo. Acreditamos que conseguimos”, comentou Luciana.
Read More

terça-feira, 25 de setembro de 2018

Filosofia: precisamos questionar mais

Comemorado nacionalmente dia 16 de Agosto, o Dia do Filósofo homenageia o profissional que dedica todos os conhecimentos que possui para entrar na reflexão sobre a existência humana, da natureza, do Universo, dos valores éticos e morais e as suas transformações, da política, da religião, entre tantos outros assuntos presentes na vida do homem.
Como indicação para este dia especial, o autor Fernando Moraes apresenta para o público o livro “Um amor em movimento”. O romance incluí em suas páginas teorias de grandes pensadores da humanidade: de Voltaire a Shopenhauer, de Guilles Deleuze a Jean-Paul Sartre, o também filósofo Fernando Moraes consegue repassar os questionamentos filosóficos para o leitor de forma interessante e, ainda por cima, indica a proposta do ensinamento peripatético – o método de ensino no qual a pessoa caminha ao mesmo tempo que aprende sobre filosofia, muito utilizado por Aristóteles com seus discípulos.
Discutindo as teorias dessas grandes mentes filosóficas, os personagens da obra começam a introduzir os conceitos no dia a dia. A obra é uma ótima forma para incitar a vontade filosófica nos jovens, sendo o romance uma excelente obra para adolescentes e jovens adultos terem a introdução no pensamento filosófico.
Read More

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

Conheça "Irmãos: Uma história do PCC"

Baseado em extensa pesquisa de campo na periferia de São Paulo, este livro traz a mais original e elucidativa interpretação sobre a facção que vem desafiando o Brasil.

Em Irmãos, o sociólogo Gabriel Feltran oferece uma interpretação alternativa àquelas que vêm ocupando o debate público brasileiro e que buscam comparar o PCC com outras organizações criminosas como os comandos cariocas, as gangues prisionais americanas ou as máfias italianas, russas ou orientais. Para o autor, o modo de organização do PCC tem mais a ver com as irmandades secretas, funcionando como uma maçonaria do crime — uma rede de apoio mútuo, pautada por um conjunto de valores considerados justos, em que ninguém deve atravessar os negócios nem a honra do outro irmão. 

Feltran percorre os momentos cruciais da história da facção: sua criação em Taubaté; a megarrebelião de 2001; a revolução interna de 2002, em que a visão igualitarista de Marcola ganhou força contra o projeto de terror público sob a liderança personalista de Geleião; as revoltas de 2006, que horrorizaram a classe média; as violentas disputas entre facções a partir de 2017.

Irmãos apresenta um país em que o crime conquistou efetiva hegemonia política para partes significativas da população. Nele, o PCC emerge como uma entre outras instâncias de geração de renda, de acesso à justiça ou proteção, de ordenamento social, de apoio em caso de necessidade, de pertencimento e identificação, desafiando o projeto de uma comunidade nacional integrada, promessa que que a redemocratização não logrou entregar. 

Irmãos: Uma história do PCC chegou às livrarias no dia 13 de agosto, e você pode adquirir o e-book nas lojas on-line.
Read More

Um mergulho no rico universo da arte das ruas


Com ilustrações do artista carioca Marcelo Eco, um dos principais nomes do grafite nacional, a Editora do Brasil lança a obra Grafite - entre riscos e cores, de Mércia M. Leitão e Neide Duarte. “Foi prazeroso saber que não somente cederia minha história e minhas fotografias, mas mostraria um pouco do meu universo de maneira informativa e educativa”, diz Eco, cujos traços e cores estão presentes em diversos estados brasileiros e também em outros países.

Em Grafite - entre riscos e cores, Mércia M. Leitão e Neide Duarte contam a história do Grupo do Riscado, composto por cinco jovens que adoravam rabiscar, desenhar, colorir e, espalhavam sua intervenção por toda parte, inclusive em lugares indevidos na escola. João, Zeca, Pedro, Dani e Nina agiam anonimamente e sempre assinavam a “obra” com as iniciais GR.

Um dia, ao entrar na sala de aula, a professora de Artes se deparou com uma das paredes tomadas por riscos, formas e letras com a indefectível assinatura “GR”. Em vez de esbravejar, encarou o fato como uma ótima oportunidade de aprendizagem para seus alunos. “Com certeza, vocês já encontraram pinturas como essas espalhadas pelas ruas do bairro e da cidade. São os grafites, forma de arte contemporânea viva, inquieta, provocativa, que busca comunicação com as pessoas no espaço urbano”, comentou ela com a turma.

Foi a deixa para que a professora despertasse em seus alunos o interesse por diferentes formas que o homem encontrou de usar os símbolos inscritos para marcar sua presença, desde os desenhos rupestres nas cavernas, na pré-história.

No meio da exposição, a professora lançou a pergunta: “Aqui na turma, pelo que percebi, há um grupo que, finalmente, encontrou um espaço apropriado para deixar suas marcas. Eu me pergunto... quem seriam esses jovens criativos? E qual seria o significado da assinatura GR?”. Será que a turminha resolveu se identificar? Qual seria a reação da classe? E como isso repercutiria na escola? No desfecho da história, até o ilustrador do livro entra em cena.

Sobre a coleção

O livro faz parte da coleção LerArte, que passou por uma reformulação para reforçar o objetivo de atrair o público infantojuvenil e despertar sua paixão para o universo das artes visuais. Em uma narrativa que mistura ficção e realidade, os títulos dessa coleção têm como fio condutor obras de artes plásticas de diferentes modalidades. Cada livro aborda um artista específico, aliando suas obras ao trabalho criativo do ilustrador. E, ao final do livro, o leitor é convidado a colocar a mão na massa, seguindo as atividades práticas propostas.
Read More

domingo, 23 de setembro de 2018

Panda Books lança O Veado e O Sapo, de Madalena Monteiro


Como diz a autora Madalena Monteiro, num tempo em que os animais falavam, em um recanto da floresta moravam um homem e sua linda filha, que já estava em idade de casar. Dois dos animais que viviam por ali se candidataram ao papel de noivo, justamente os que dão nome ao livro O veado e o sapo.

Para resolver o impasse, o pai propôs uma competição: ganharia a mão da moça quem fosse mais ligeiro e vencesse a corrida em um circuito pela floresta. O veado gabava-se, já se sentindo o vencedor por ser um animal veloz. O sapo, porém, usou a cabeça e bolou um estratagema – bem desprovido de fair play, diga-se – para passar a perna no adversário e casar-se com a moça.

O final, porém, não foi feliz. Usando de sua experiência como contadora de histórias, a autora recolheu aqui e ali as sugestões das crianças que ouviam suas contações e criou um final para lá de surpreendente. Vale conferir! Uma forma criativa de recontar essa história da tradição oral que passou de geração em geração em outros cantos do mundo, como Europa, África e Ásia, e foi recolhida no Brasil por folcloristas como Silvio Romero e Câmara Cascudo.

Completa a obra a ilustrações divertidas da brasileira Carla Irusta, que mora em Barcelona, Espanha, e possui trabalhos publicados também na Europa e nos Emirados Árabes.
Read More

sábado, 22 de setembro de 2018

12 filmes baseados na obra de Stephen King para ver no aniversário do autor


Nesta sexta-feira, 21 de setembro, o autor Stephen King completou 71 anos. Para comemorar seu aniversário e celebrar sua fantástica carreira, o Looke, serviço brasileiro de streaming, preparou uma lista de filmes baseados na obra do autor que você pode assistir na plataforma. Confira:

O Iluminado: Dirigido pelo consagrado Stanley Kubrick, marcou um dos papéis mias icônicos da carreira de Jack Nicholson. É considerado um dos melhores filmes de todos os tempos, principalmente dentro do gênero de terror. Uma família se hospeda num hotel assombrado por uma presença maligna. 

Um Sonho de Liberdade: Indicado a sete Oscars em 1995, incluindo os prêmios de melhor filme, melhor ator, fotografia e roteiro adaptado, é o filme com melhor avaliação de todos os tempos no IMDb, site sobre cinema mais acessado do mundo. Ao longo de anos, dois presidiários se conectam em busca de uma eventual redenção. Estrelando Tim Robbins e Morgan Freeman. 

It – A Coisa: Longa de terror de 2017 que foi sucesso de bilheteria e mostra a jornada de sete crianças excluídas que lutam contra um poderoso monstro que se disfarça de palhaço. 

Dica: Assista também a “It - Uma Obra Prima do Medo”, primeira adaptação do livro para o cinema.

À Espera de um Milagre: Indicado a quatro Oscars em 2000, incluindo os prêmios de melhor filme, melhor ator coadjuvante e roteiro adaptado. Um homem negro acusado de estupro e assassinato possui um dom misterioso. Com Tom Hanks e Michael Clarke Duncan. 

Cujo: Tema de um episódio da série “Friends”, o filme narra a história de um fiel cachorro que se torna perigoso e ataca sua própria família após ser mordido por um morcego com raiva. 

O Apanhador de Sonhos: Cinco amigos fazem uma viagem que pode não ser exatamente o que eles esperavam. 

Colheita Maldita (I, II, III, IV e 7): Série de filmes baseada no conto homônimo do autor.
Read More

Conheça o primeiro programa para prevenir e reverter o declínio cognitivo


No último dia 21 de setembro, foi o Dia Mundial de Combate ao Alzheimer, gostaríamos de indicar uma leitura indispensável não só para quem sofre com essa doença, seus familiares e cuidadores, mas para todas as pessoas que desejam evitar desenvolvê-la. 

Em O Fim do Alzheimer, o dr. Dale E. Bredesen revela que o Alzheimer não é uma única doença, como normalmente se pensa, mas muitas. Elas são provocadas por diferentes mecanismos e podem se manifestar de várias formas e em diversas idades, mas todas são fortemente influenciadas por um desequilíbrio em 36 fatores metabólicos.


Por meio de um programa detalhado, o autor revela maneiras de reequilibrar os mecanismos dessa doença ajustando elementos do nosso estilo de vida, como micronutrientes, níveis de hormônio, estresse e qualidade do sono. Os resultados têm sido impressionantes. Dos primeiros dez pacientes a seguirem o programa, nove apresentaram melhoras significativas nos seis primeiros meses; desde então o programa produziu resultados semelhantes com mais centenas de pessoas.

A história desses pacientes nos permite entender como se tratar quando a recuperação é vista como impossível. Reunindo informações que ajudarão pacientes, cuidadores e médicos a colocar o programa em prática, este livro transformará de forma fundamental como tratamos, prevenimos e encaramos o Alzheimer.
Read More

Livro ensina os segredos das maiores lendas do tênis


Mesmo com 20 títulos na carreira e tendo alcançado o Top 4 do mundo em janeiro de 1990, o ex-tenista e ex-treinador norte-americano Brad Gilbert sempre reconheceu que não tinha o mesmo talento dos rivais, como o alemão Boris Becker, o tcheco Ivan Lendl e seu compatriota John McEnroe. Mas, se Gilbert era inferior tecnicamente, como, em muitas oportunidades, ele conseguiu vitórias incríveis contra seus adversários? Seriam apenas dias de sorte?

O tenista pode não ter sido o mais habilidoso de sua geração, mas com certeza era o que melhor sabia usar o cérebro e aplicava o jogo mental contra os oponentes. Tal capacidade o levou à melhor temporada da carreira, vencendo 20 dos 21 jogos disputados, 17 deles de maneira consecutiva. Todas as técnicas utilizadas são descritas por ele no livro Jogue Para Vencer, que este mês chega ao Brasil publicado pelo selo SportBook, da Edipro.

A obra, que se tornou um dos livros sobre tênis mais vendidos de todos os tempos, é um verdadeiro manual para combate nas quadras. Todas as dicas são baseadas nas estratégias utilizadas por Brad Gilbert, e por outros grandes esportistas da atualidade, como Roger Federer, Novak Djokovic, Andy Murray e também pelas irmãs Williams, para vencer os oponentes mentalmente e explorar suas fraquezas na partida.

Gilbert foi considerado um dos principais tenistas no cenário do esporte por 10 anos, além de defender os Estados Unidos na Copa Davis por sete anos (1986-1993), e conquistar a medalha de bronze nos Jogos Olímpicos de 1988, em Seul. Fora das quadras, Brad também compartilhou suas técnicas ao ser treinador de grandes nomes do tênis, como Kei Nishikori, Alex Bogdanovic, Andy Roddick, Andy Murray, e o maior deles, André Agassi, que sob a tutela do norte-americano conquistou seis de oito títulos disputados em Grand Slams.

O livro ainda conta com um capítulo escrito pelo próprio André Agassi, no qual ele explica toda a importância das técnicas de Brad Gilbert para a evolução da carreira, e de como os ensinamentos foram essenciais para as conquistas. Com esta edição inédita no mercado brasileiro, a SportBook amplia cada vez mais seu catálogo voltado ao tênis. Assim como as obras mais recentes, Jogue Para Vencer conta com revisão técnica do jornalista José Nilton Dalcim, editor do site Tênis Brasil.

“O que BG [Brad Gilbert] fez para meu jogo desde que nos aproximamos é inigualável e ninguém poderia ter feito algo parecido porque ninguém mais conhece esse esporte melhor do que ele. Não há dúvida na minha mente. Ele tem um entendimento enorme de tudo: estratégia, táticas, dinâmicas de partida e como aplicá-las para derrotar caras como Pete [Sampras], Michael Chang, Boris [Becker], [Jim] Courier e outros”. André Agassi (pg. 248).


Jogue Para Vencer se tornou uma verdadeira bíblia para inúmeros jogadores de todo o mundo, sejam eles amadores ou profissionais, ao apresentar dicas valiosas de como ganhar as partidas, mesmo sem jogar tão bem quanto o adversário.
Read More

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Livro discute a toxidade dos círculos religiosos


Antônio Carlos Costa, pastor presbiteriano, jornalista, teólogo, autor das obras Teologia da Trincheira e Convulsão Protestante e fundador da ONG Rio de Paz (instituição filiada ao Departamento de Informação Pública da ONU, a qual promove ações voltadas para a redução das violações dos direitos humanos), lança seu novo livro: Azorrague - Os conflitos de Cristo com instituições religiosas, publicação da Editora Mundo Cristão. Na obra, Antônio analisa as controvérsias de Jesus com a religião e revela como os líderes religiosos de hoje podem cair nas mesmas armadilhas de ontem, escondendo Deus das pessoas.

Fiel ao seu estilo instigador, em Azorrague, Antônio aponta os conflitos de Jesus com a religião para demonstrar os graves riscos a que os cristãos de hoje e, em especial seus líderes, estão sujeitos, à medida que se deixam levar pelo mero formalismo destituindo-se de misericórdia, graça, compaixão e amor.

Conforme ele aponta, a teologia não regulada pelo evangelho expõe os seres humanos às mais diferentes espécies de desatinos teológicos, bizarrices morais e extravagâncias espirituais. Por isso, é fundamental que o cristão esteja atento para que não seja vítima de um sistema religioso que está totalmente afastado do projeto de Deus para a igreja e a vida cristã.

A cada capítulo, o autor analisa diferentes embates que Jesus travou com líderes religiosos durante seu ministério e, assim, faz um eloquente alerta para que o cristão não cometa os mesmos erros daqueles que apenas têm aparência de piedade, mas estão equivocados em sua prática religiosa.

Quem não sabe separar Deus de religião está fadado a perder o encanto pelo próprio Deus. A realidade é que pastores e padres podem tornar Deus parecido com o diabo, dependendo de como agem, ensinam e pregam.

No livro, Antônio também fala sobre o modelo cristão de igreja apresentado por Jesus, uma igreja compromissada com a justiça e com a misericórdia, uma comunidade de membros leais a Deus, liderada por homens humildes, por pastores que fomentam entre a membresia uma relação que intelectualmente não seja subserviente a eles próprios, mas que conhecem suas limitações e que levam as pessoas, de fato, a Cristo.

Leitura imprescindível para quem deseja compreender o problema grave que acomete o funcionamento de muitas instituições religiosas, Azorrague permite ao leitor redescobrir o Deus justo, amoroso e verdadeiro, tantas vezes encoberto pela prática religiosa legalista, moralista e autoritária. Um livro para ser carregado para rodas de discussão, pelas ruas e por ambientes de estímulo ao pensamento e que despertará o leitor para viver as boas-novas do evangelho de forma verdadeiramente autêntica e transformadora.

A novidade chega às livrarias a partir de setembro.
Read More

quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Psicóloga lança livro “Ontologia do sagrado feminino”

A psicóloga Patricia María Igrasiotano, egressa da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), lança o livro "Ontologia do sagrado feminino: a outra história precisa ser contada", publicado pela Editora Appris. 

O livro mostra, de que modo ostensivo, o rebaixamento infringido à mulher afetou também à humanidade, assim como a todos os seres que coabitam o planeta Terra, inclusive, à própria Terra.

Para a autora, na atualidade, os seres humanos ainda são prisioneiros de histórias mal contadas. Arrastam-se, ingenuamente, amarras simbólicas que adoecem o corpo, embotam as emoções e paralisam as forças da vida. Entretanto, Patricia acredita que homens e mulheres não são vítimas deste processo, o ruim só permanece até se compreender que é possível transformá-lo. É essa a libertação que se busca atingir com a obra.

Patricia apresenta uma renovada compreensão do humano a partir do reposicionamento da mulher como ser sagrado no mundo. As reflexões propostas não se restringem à mulher, mas a todos, tanto ao público leigo quanto a educadoras e educadores.
Read More

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

5 Obras de Deepak Chopra

O Dr. Deepak Chopra, reconhecido mundialmente como poeta e profeta da Medicina Integrativa pela transformação pessoal, possui uma vasta lista de títulos onde trata do tema ligado à física quântica em patamares como rotina e saúde de forma leve e acessível ao utilizar vocabulário leigo em suas obras. Confira abaixo 5 títulos dos mais variados temas que o autor já publicou:

Você tem fome de quê? | Deepak Chopra

Em Você tem fome de quê? Deepak Chopra prova que o problema da obesidade começa com as motivações que nos levam a comer, e que descobri-las é o primeiro passo para acabar de forma definitiva com o problema do excesso de peso. Prepare-se para uma jornada de autoconhecimento transformadora.

Você é a sua cura | Deepak Chopra e Rudolph E. Tanzi

Os autores Deepak Chopra e Rudolph Tanzi apresentam um jeito revolucionário de combater problemas como hipertensão, diabetes e alguns cânceres através da capacidade de se autocurar. Em um plano de ação em sete frentes, a dupla ensina a fazer mudanças práticas na alimentação e na forma como encaramos o estresse, a atividade física e os vínculos emocionais. A ideia é que, com ajuda de um hábito por dia, podemos ganhar saúde para a vida toda.

Super Cérebro | Deepak Chopra e Rudolph E. Tanzi

É possível ensinar o cérebro a deixar de lado nossos instintos primários, agir de acordo com a nossa razão e assim sermos felizes de corpo e alma? O médico e autor Deepak Chopra, em parceria com o neurocientista Rudolph Tanzi, um dos maiores estudiosos do mal de Alzheimer, explica como o cérebro funciona e a possibilidade de deixá-lo em forma para conquistar boa saúde, ter mais qualidade de vida e simplesmente ser mais feliz.

Super Genes | Deepak Chopra e Rudolph E. Tanzi

A dupla de médicos Deepak Chopra e Rudolph Tanzi discorre sobre como a ciência atual sustenta que nossos genes reagem a tudo o que fazemos, dizemos e pensamos. Oferecendo um cardápio de escolhas para 6 esferas da vida – dieta, estresse, atividade física, meditação, sono e emoções –, em três níveis de dificuldade, os autores também mostram, de forma muito prática, o que devemos fazer no dia a dia para ativar o melhor do nosso código genético pela vida afora.

Você é o universo | Deepak Chopra e Menas Kafatos

O que acontece quando a ciência moderna desafia tudo o que conhecemos sobre realidade? Neste trabalho brilhante e atual, Chopra se une com o físico Menas Kafatos e propõem uma nova aliança entre ciência e espiritualidade, entre física quântica e vida cotidiana, questionando nosso
Read More

1,5 milhão de seguidores e uma história de amor para contar


Será que o amor à primeira vista existe mesmo ou é história de filmes e livros? Ao se apaixonar ninguém recebe manual de instruções. Há aqueles que perdem as estruturas, vivem com mais intensidade, há os que cometem loucuras ou também os que esquecem de si. O primeiro amor, muitas vezes, deixa a pessoa confusa, com expectativas altas e sonhando longe. Porém, para viver esta montanha-russa de emoções é preciso ir com calma.

A youtuber e blogueira Fabi Santina, faz um desabafo emocionante no livro Você acredita mesmo em amor à primeira vista? publicado pelo selo Outro Planeta, da Editora Planeta e diz que relacionamentos saudáveis e felizes precisam ser vividos um dia de cada vez. Sim, com paciência. E é necessário aprender a lição mais importante de todas: amar a si mesma.

O livro de Fabi conta uma história ficcional, mas inspirada em suas próprias lembranças e experiências amorosas, perfeita para todos os leitores apaixonados pelo gênero. Você acredita mesmo em amor à primeira vista? vai além de uma simples obra sobre relacionamentos e explora diversos temas de relevância como autoestima, aceitação e respeito.

Com uma linguagem despojada a autora faz com que a leitura flua de forma agradável enquanto narra os episódios de dramas vividos no mundo do romance e autoconhecimento. É possível se identificar, rir e chorar com os acontecimentos doces ou embaraçosos da juventude protagonizados por Fabiana, afinal, certas situações parecem universais.

Fim? Foi isso mesmo que aconteceu. Era o fim! Fim de longos anos! Fim de um relacionamento! Fim de uma linda história de amor! Fim do nosso futuro! Fim da minha vida! Pera aí! Fim da minha vida? Era isso mesmo? Eu estava apostando todas as fichas da minha vida e felicidade em alguém? Você tá louca, Fabiana?! (Sim, eu falo sozinha às vezes). Foi duro e muito difícil, mas foi nesse momento que eu percebi que não era o fim...
Você acredita mesmo em amor à primeira vista? – Página 10 - Fabi Santina

Fabi também mostra como certas experiências na vida, apesar de duras, servem para o amadurecimento. As diversas mudanças vivenciadas pela protagonista discutem como é possível aprender e evoluir mesmo nos momentos que parecem ser o fim do mundo.

Você acredita mesmo em amor à primeira vista? já está em pré-venda e chega às livrarias em setembro.
Read More

Faro Editorial lança este mês “Seja Singular” de Jacob Pétry e Valdir Bündchen


O que você está fazendo hoje pode garantir seu sucesso daqui a cinco anos? O conhecimento que está adquirindo será o suficiente para aquilo que você mais deseja da vida? Como você está preparando seus filhos para enfrentar o futuro? O que você pode fazer para desenvolver sua singularidade? Afinal, o que é ser singular?

A Faro Editorial lança este mês o livro “Seja Singular” de Jacob Pétry e Valdir R. Bündchen, uma obra que vai te ajudar a descobrir seu talento e fazer disso uma profissão. Neste livro único e libertador, Valdir R. Bündchen, pai da modelo Gisele Bündchen - e que no início da carreira agiu como mentor da filha, orientando-a com princípios, valores e direção – e Jacob Petry desafiam as fórmulas fantasiosas de enriquecimento fácil em moda nos dias atuais, e apresentam um caminho novo para superar nossos medos, limitações e incertezas, abrindo nossa mente para o potencial imenso existe latente em cada um de nós.

Com o mercado de trabalho está cada vez mais competitivo e não é novidade para ninguém que as empresas buscam por inovação, criatividade e talento. Somos reconhecidos não só pelas habilidades técnicas e acadêmicas, mas também pela forma como pensamos, pela criatividade e pela proatividade, ou seja, o que temos de único para oferecer.

Este livro vai ensinar a pensar de maneira diferente, descobrir sua singularidade e transformar esse talento numa carreira ou num negócio, fazer escolhas que te levarão aonde quer chegar, usar a imaginação e a criatividade para ser inovador, libertar-se do medo, da insegurança de da baixa autoestima e conquistar o mundo!
Read More

terça-feira, 18 de setembro de 2018

Blogueira Camila Nunes lança primeiro livro para peles negras


 A blogueira do CCB Digital, Camila Nunes realizou uma festa em comemoração ao lançamento do primeiro livro para peles negras, de nome 'A Beleza para todas as cores'.


O livro conta um pouco da história da influenciadora, como tudo começou e, claro, está recheado de dicas de beleza para peles negras. Para Camila, a publicação é um grande marco, pois ele também tem como objetivo inspirar outras meninas e mulheres, por meio da automaquiagem. “Precisamos nos empoderar e reconhecer o quanto somos belas. Publicar esse livro não é uma conquista apenas minha, é nossa”, comenta a autora.

Camila possui um canal no Youtube e também um blog que leva o seu nome. Em ambos os meios de comunicação, é possível conferir diversas dicas que vão desde beleza, maquiagem e moda até organização. “Na internet e também no meu livro eu consigo dividir as minhas experiências com outras pessoas, principalmente, como eu me descobri e me encontrei com a maquiagem”, finaliza Camila.

A autora se orgulha do sucesso que vem alcançando e das oportunidades que surgiram com muita luta e determinação. As leitoras poderão ainda conferir no livro os desafios encontrados por ela no caminho e como foi cada vitória.
Read More

A história do perfume mais famoso do mundo

Baseado em fatos reais, o romance Mademoiselle Chanel e o cheiro do amor recria a atmosfera glamourosa da Paris dos anos 1920, iluminando um momento pouco conhecido da vida de Gabrielle Chanel. A obra, que vendeu mais de 100 mil cópias na Alemanhã, inicia exatamente onde o filme "Coco" termina: quando, aos 38 anos, consagrada como estilista revolucionária e uma feminista avant la lettre, Coco sofre uma grande perda com a morte de seu amante Boy Chapel. 

Nem mesmo a valente estilista resiste à notícia – fica deprimida, tranca-se em seu quarto, recusa convites, desiste da vida! Com a ajuda de sua grande amiga Misia Sert, e a partir da ideia da criação de um perfume próprio, Gabrielle motiva-se a continuar, a seguir em frente, procurando fazer algo diferente, a encontrar uma fragrância única e exclusiva!

Para isso estuda e pesquisa muito até se inspirar no perfume de Catarina ii, Imperatriz da Rússia, que conhece por meio do grão-príncipe russo, Dimitri Romanov, com quem vive uma nova aventura. 

Em sua busca pelo aroma perfeito, Coco, vai reunir 80 componentes, entre os quais a rosa de maio, a flor ylang ylang, odores sintéticos e de animais, que juntos celebram a nova mulher e sintetizam o cheiro do amor.
Read More

Sobreviva ao apocalipse com 6 dicas da escritora Ana Beatriz Brandão


O apocalipse, que dizimará grande parte da população mundial e que desafiará a sobrevivência dos grupos restantes, irá acontecer. Isso é fato. E estar preparado para enfrenta-lo já é o primeiro passo para chegar mais longe no jogo da sobrevivência.

É esse enredo que a escritora best-seller Ana Beatriz Brandão apresenta no livro Sob a Luz da Escuridão, pela Verus Editora. A trama apresenta o antagonista Leonard Travis Goyle, que tinha a intenção de criar uma raça perfeita, dizimando nações e etnias inteiras por longos 50 anos, na chamada Terceira Guerra Mundial. Grupos de resistência foram formados e deram origem à Quarta Guerra Mundial, que resultou na morte do ditador. Agora, a luta pela sobrevivência é um dos maiores desafios. Mas como sobreviver em uma sociedade devastada, em uma verdadeira terra sem leis e nem governo?

Para isso, separamos algumas dicas básicas para resistir nesse cenário de caos e incertezas:

  1. Estoque suprimentos para sobreviver por dias. Quando o apocalipse chegar, as cidades viverão um verdadeiro colapso, e a busca por mantimentos será cada vez mais difícil. Por isso, uma estabilização e autossuficiência será primordial para se manter vivo.
  2. Guarde somente o necessário. Com a hecatombe eminente, a sobrevivência será a única prioridade das pessoas, e para isso é preciso ter o necessário para sobreviver independente do lugar. Por isso é preciso abrir mão de alguns objetos que já perderam seu valor e que só ocupam espaço. Então deixe o videogame ou as revistinhas de fofoca para trás e abra espaço para as garrafinhas d’água e para as barrinhas de cereais.
  3. O que deve conter no kit de sobrevivência básico? A alimentação é sempre muito importante, por isso aquela comida enlatada que só se via em filmes é uma ótima pedida, ainda mais acompanhada de uma água para hidratar. Analgésicos também são importantes, acredite você vai precisar. Ah, levar uma arma que saiba usar é uma boa opção, além de um canivete mil e uma utilidades.
  4. Tenha um sistema de comunicação. Com um apocalipse batendo a porta, os meios de comunicação deixarão de existir. Porém, é primordial que se tenha maneiras que permitam a comunicação com outros seres vivos. Afinal, nunca se sabe quem estará do outro lado do walkie-talkie.
  5. Aprenda a caçar. Os grupos de sobrevivência serão cada vez menores, e dificilmente aceitarão abrigar um estranho no ninho. Sendo assim, é importante saber se virar sozinho. Quando o estoque de comida acabar, a caça será a melhor maneira de consumir uma proteína.
  6. Leve seu livro favorito. No meio de todo o caos e maluquice, é sempre bom guardar um tempinho para manter a sanidade e revigorar as energias. Um bom livro sempre é uma bela pedida, afinal a leitura nos faz esquecer nossos maiores problemas, mesmo aqueles quem batem em nossa porta com superpoderes ameaçadores.



Sobre Sob a Luz da Escuridão: O mundo não está a salvo dos humanos... Da autora de O Garoto do Cachecol Vermelho. Guerras e destruição, causadas pela ganância de um homem, quase levaram a raça humana à extinção. Com a radiação das bombas nucleares, o DNA humano sofreu mutações e uma nova espécie surgiu: os metacromos, seres especiais, com poderes extraordinários. Em meio ao caos de um mundo pós-apocalíptico, Lollipop e Jazz são resgatadas do instituto onde eram mantidas prisioneiras. Com as memórias apagadas, elas não sabem por que estavam ali nem quem as libertou. E, enquanto buscam respostas sobre suas origens, só lhes resta lutar pela sobrevivência. Evan, um vampiro milenar, lidera com mãos de ferro uma das mais poderosas áreas do planeta. Mas quando, por obra do destino, ele reencontra a mulher que pensou estar morta há décadas, tudo desmorona e ele é obrigado a enfrentar o passado. Ana Beatriz Brandão apresenta um mundo totalmente novo ao leitor em Sob a luz da escuridão. A raça humana não é mais a mesma, novas espécies foram criadas e agora é cada um por si. Uma história eletrizante, cheia de ação, tensão e romance, que vai provocar fortes emoções no leitor. Prepare-se e escolha seu lado nessa guerra: você é um metacromo ou um Deles?
Read More

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

Autora best-seller na Amazon lança primeiro volume de nova série

A Dívida, nova obra de Lani Queiroz, autora de sucessos como as séries Príncipes DiCastellani e Rock I’m Rio, chega a plataforma da Amazon acompanhada de muita expectativa dos fãs. Com apenas alguns capítulos publicados no Wattpad, o livro já conseguiu o topo do site na categoria de livros hot.

Primeiro volume da série Turbulência, A Dívida apresenta o personagem de Heitor Camargo Maxwell, CEO de um conglomerado brasileiro de linhas aéreas em São Paulo. Heitor é um homem frio, implacável e cínico, que respira negócios. Aos trinta e sete anos nunca se permitiu viver nada além de sexo casual. Ele gosta de sua liberdade, mas, a necessidade de produzir um herdeiro se faz cada vez mais urgente à medida que o tempo passa.

No entanto, o poderoso Maxwell é enganado por um antigo parceiro de negócios e acaba perdendo milhões. É então que o CEO vê sua oportunidade de vingança e, de quebra, obter um herdeiro se casando com uma das filhas do homem que o traiu. Ele não quer amor. Essa não será uma união feliz, apenas um meio para um fim. Porém, tudo pode mudar quando o homem frio se vê diante da jovem, bela e doce Sofia.

Sofia é uma jovem de dezoito anos, com muitos sonhos. O principal deles é se tornar uma bailarina reconhecida mundialmente. Quando se depara com Heitor, o homem mais bonito e intimidante que já viu, ela não tem ideia de que sua vida será destruída e seus sonhos adolescentes não existirão mais. Entregue por sua própria familia como pagamento de uma dívida, acaba tornando-se a esposa troféu do impiedoso empresário. Sofia promete ser fria como um iceberg para o marido, mas derrete-se com o toque que a faz irrevogavelmente sua mulher. Ela o odeia, mas, ama ser tomada por ele noite após noite.

Com uma trama cheia de intrigas, romance e reviravoltas, A Dívida tem tudo aquilo que os fãs de obras eróticas desejam.
Read More

Milton Hatoum conquista o Juca Pato 2018


No próximo dia 18 de setembro, às 19 horas, será realizada na Biblioteca Mário de Andrade a cerimônia de entrega do prêmio Juca Pato da União Brasileira de Escritores (UBE) a Milton Assi Hatoum. 

“A escolha da UBE recaiu sobre um grande escritor brasileiro, membro da UBE, pelo romance ‘A Noite da Espera’, que é de altíssima qualidade e de leitura obrigatória. Hatoum é um dos maiores escritores de todos os tempos”, comenta Durval de Noronha Goyos Jr, presidente da UBE.

Hatoum formou-se arquiteto, já foi professor – tanto de arquitetura quanto de literatura – e sempre gostou de ler e escrever. Como escritor, profissão esta que hoje é sua principal fonte de renda, obteve reconhecimento por meio de prêmios, traduções, adaptações, teses, pesquisas e fidelidade de seus “bons leitores”. Já escreveu poesia, crônicas, contos e romances. 

Hatoum começou com “Relato de um Certo Oriente” (1989) e, na sequência, vieram “Dois Irmãos” (2000) e “Cinzas do Norte” (2005). Reuniu contos em “A Cidade Ilhada”, em 2006, e escreveu a novela “Órfãos do Eldorado”, em 2008; suas crônicas estão em ”Um Solitário à Espreita”, de 2013. 

No ano passado, lançou “A Noite da Espera”, primeiro livro da trilogia “O Lugar Mais Sombrio”, e já trabalha para finalizar o segundo (previsto para o início de 2019), revelando ter várias outras “inquietações” (entre elas, talvez mais um livro de contos e um segundo volume de crônicas). 

"Eu fiquei surpreso por ter sido escolhido! A gente nunca espera e nem escreve para ganhar prêmios. Costumo dizer que o grande prêmio do escritor é o leitor talentoso; um bom leitor. Mas fico honrado, pois é um prêmio que já foi dado a grandes intelectuais brasileiros. Alguns eu tive o grande prazer de conhecer e conversar, a exemplo de Antonio Candido, e outros grandes que já ganharam o Juca Pato", comentou Hatoum, acrescentando que gosta de todos os gêneros. 

"Gosto da literatura, gosto do teatro também. Mas quando penso numa história, e ela não cabe num conto, passo para o romance. Então eu não tenho um gênero preferido, embora considere a poesia como o grande gênero da literatura. A poesia é o mais difícil. Ela pede um ritmo, um tom e uma construção muito particulares que só poucas pessoas conseguem. Eu escrevo poesia clandestinamente, nunca me interessei em publicá-las – acho que nem devo, no momento. Mas os poetas talentosos têm alguma coisa de mago. É difícil dizer ‘eu quero ser poeta’. Você é poeta. Como dizia Bandeira, o poema se escreve", finaliza.
Read More

sábado, 15 de setembro de 2018

Novo livro de George R. R. Martin no Grupo Companhia das Letras


O Grupo Companhia das Letras adquiriu os direitos de publicação de Fire & Blood, do escritor americano George R. R. Martin. No Brasil, o título do volume será Fogo & Sangue e o lançamento está confirmado para novembro de 2018, em data simultânea à publicação nos Estados Unidos.

Situado três séculos antes dos eventos da série As Crônicas de Gelo e Fogo, Fogo & Sangue é o primeiro de dois volumes, e conta a história oficial da Casa Targaryen, narrando da guerra de conquista que uniu os Sete Reinos até os eventos da Dança dos Dragões – a guerra civil que quase pôs fim à dinastia dos senhores dos dragões. Os leitores tiveram vislumbres dessa história em trechos dos livros anteriores e em algumas antologias, mas a trama completa dos Targaryen é revelada pela primeira vez neste livro.

Ricamente ilustrado, com mais de 75 imagens em preto e branco assinadas pelo artista Doug Wheatley, Fogo & Sangue dará aos leitores um conhecimento novo e completo da história de Westeros, e será um livro imperdível para os fãs de George R. R. Martin.
Read More

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Você arrisca a própria pele?


Em setembro, chega às livrarias Arriscando a própria pele, o novo livro de Nassim Nicholas Taleb, autor do best-seller internacional A lógica do Cisne Negro. 

“Nunca confie em alguém que não arrisca a própria pele”, diz Taleb, neste livro provocativo. Por que não devemos escutar pessoas que só falam em vez de agir? Por que empresas entram em falência? Por que existem mais escravizados hoje do que nos tempos romanos? Por que impor a democracia em outros países nunca funciona? A resposta: muitas das pessoas que estão no comando não arriscam a própria pele.

Colocar a pele em jogo se aplica a todos os aspectos da vida. Significa que temos algo a perder, que temos de correr riscos. Em seu estilo desafiador e inimitável, Taleb cria uma estrutura surpreendente para entendermos este conceito. 

Arriscando a própria pele chega no momento exato para nos instigar e fazer com que repensemos tudo aquilo que imaginávamos saber. Uma obra corajosa, que desafia muitas das nossas crenças sobre risco, recompensa, política, religião e finanças.

Read More

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

Eu digo Charlie e vocês dizem...

Um dos maiores ícones do rock nacional, Alexandre Magno Abrão, o Chorão, conquistou o Brasil sobretudo pela sua entrega na hora de compor e cantar. Essa mesma intensidade marcou a história de amor ímpar vivida com Graziela Gonçalves, que conta neste livro como o relacionamento de quase vinte anos dos dois a transformou para sempre.

Ela conheceu o cantor antes de sua banda estourar e se tornar uma das mais populares do país. Com suas ideias e seu apoio, Grazi teve participação importante na construção do sucesso do Charlie Brown Jr. Foi a grande musa de Chorão, que escreveu inúmeras letras inspirado nela. Como companheira de Alexandre, passou com ele os melhores e os piores momentos, e o ajudou a enfrentar a dependência química, que o levou, tragicamente, à morte em 2013.

Se não eu, quem vai fazer você feliz? não vai tocar apenas os fãs de Chorão. Mesmo sem conhecer sua música, é impossível não se emocionar com a força desse amor que sobreviveu à fama, às crises e até à morte — e que é homenageado neste livro.

Uma história de amor à base de música precisa de uma playlist própria, né? A própria Graziela Gonçalves criou, no Spotify, uma playlist com as músicas citadas no livro Se não eu, quem vai fazer você feliz? – clássicos, nostalgia e muito Charlie Brown Jr. Siga o link na imagem para abrir no Spotify:

Read More

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

O mistério sobre a morte de Hitler, enfim, resolvido


Um relato dramático e revelador dos últimos dias no bunker de Hitler, baseado em arquivos soviéticos nunca antes revelados e investigações forenses de última geração.

Os nazistas capitularam no dia 8 de maio de 1945. Hitler se suicidou uma semana antes, em seu bunker berlinense. Os aliados e os soviéticos festejaram a vitória juntos. Essa é a versão mais conhecida da história. Na realidade, porém, no dia 1º de maio, Stálin ordenou que seus soldados investigassem a morte de Hitler e capturassem o corpo do ditador. O objetivo era buscar evidências da morte do homem ou um troféu de guerra que provasse ao mundo inteiro que seu país derrotara o monstro?

Em 2017, depois de dois anos negociando com as autoridades russas, os jornalistas Jean-Christophe Brisard e Lana Parshina tiveram acesso aos dossiês confidenciais referentes à inacreditável perseguição ao corpo de Hitler empreendida pelos espiões soviéticos, assim como aos interrogatórios daqueles que testemunharam os últimos dias do Führer. E o mais importante: Moscou concordou em mostrar pela primeira vez e deixar que examinassem seus restos mortais - um pedaço do crânio com a marca da bala e a mandíbula.

Numa investigação digna de um romance de espionagem, os autores colocam um ponto final nos últimos questionamentos a respeito da morte de Hitler.
Read More

terça-feira, 11 de setembro de 2018

Faro Editorial lança guia para brasileiros que querem fazer faculdade nas universidades americanas


Você já pensou em estudar nas melhores universidades do mundo e morar num campus universitário americano por onde passaram pessoas como os presidentes John Kennedy e Barak Obama, Anthony Kiedis, vocalista do Red Hot Chilli Peppers, Sheryl Sandberg, CEO do Facebook, e tantos outros? Pode parecer algo impossível, mas se você se empenhar e conhecer bem o processo de admissão, o sonho pode se tornar realidade. Você vai se surpreender.

Muitos jovens e seus pais vêm buscando alternativas para uma educação superior de alta qualidade. Para quem deseja investir numa excelente graduação, o sistema americano é encantador, pois além de oferecer um ensino de ponta, permite ao aluno montar sua grade de estudos e ampliar seus horizontes, vivendo nas incríveis cidades universitárias.

Pensando nisso, a Faro Editorial lança este mês “Como ingressar numa Universidade americana e a diferença que isto fará na sua vida” de Emílio Costa, um guia completo que explica tudo o que um estudante brasileiro precisa saber para fazer faculdade nos EUA.

O livro, repleto de dicas de alunos que tiveram sucesso no processo e de profissionais da área, apresenta o passo a passo para você chegar lá. O autor, que também estudou nos Estados Unidos, escreveu o livro durante o processo de admissão de seu filho, que foi aceito em 8 universidades e atualmente cursa Economia na University of California Los Angeles - UCLA.

Com uma escrita leve e agradável, o livro vai ajudar você a criar um plano para estudar na universidade dos seus sonhos. Lendo este livro você conhecerá cada passo do processo de admissão, aprenderá como interpretar as informações apresentadas nos sites das universidades, receberá informações sobre como escolher sua universidade ideal e sobre bolsas de estudo e saberá como avaliar sua situação em relação às escolas desejadas. 

Quanto mais cedo você começar a se preparar, maiores serão suas chances, pois seu desempenho nos 4 últimos anos de escola (do 9º ano do ensino fundamental ao 3º do ensino médio) contarão muito no processo. E com todas essas ferramentas em mãos você terá tudo que precisa para começar a se preparar para esta nova jornada e estudar nas melhores universidades do mundo!
Read More

quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Reflexos de sensibilidade em luz e poesia

Com textos de profundidade subjetiva e de inspirações ora psicológicas, ora filosóficas, o autor permeia pelo passar dos anos e os reflete no livro Espectros. O poeta catarinense Mauro Felippe partilha da ideia de que cada época da vida é multiplicada pelas sucessivas reflexões das que lhe seguem, e, por isso, para a criança o tempo é tão longo e, em contrapartida, a fase da velhice parece tão curta.

Espectros é prefaciado pelo psicólogo, professor e escritor Adroaldo Bittencourt e pela poetisa e educadora Anna Zin Pilotto – ambos grandes especialistas em suas respectivas áreas –, que antecipam para o leitor: versos marcantes e uma grande aventura poética estão por vir. Mauro Felippe criou a obra a partir de ensaios provenientes de períodos ociosos de paz interior que resultaram em tal construção, profunda e desprovida de princípio, meio e fim. Ou seja, cada peça vale por si mesma, sem estar ligada necessariamente à outra numa sequência, sendo cada página o seu próprio começo e final de acordo com os critérios do próprio leitor.

Livros são fontes que transbordam
Nenhum animal descreve o passado
Nem o que ocorre no presente
Nem desenha o futuro
O homem, ao menos, desabafa escrevendo.

A obra é ricamente ilustrada pelo artista visual Rael Dionísio, que utiliza de forma generosa as cores e imagens intensas, perfeitas para os versos de Mauro. Este possui uma veia artística que mostra a realidade de maneira poética, crítica e existencialista, proporcionando uma verdadeira viagem no tempo ao leitor. O poeta consegue trazer os espectros visíveis e invisíveis da luz do mundo e da magnificência das pequenas coisas que observadas por olhos como os dele se mostram tão grandiosas.

Read More

quarta-feira, 5 de setembro de 2018

Obra hot sucesso no Wattpad ganha versão completa na Amazon


Lançamento de Lani Queiroz, autora best-seller na Amazon, A Dívida chega à plataforma dia 10 de setembro. A obra é o primeiro volume da série Turbulência, que tem sido sucesso no Wattpad. Com apenas alguns capítulos publicados no site, o livro da maranhense ficou em terceiro na categoria de literatura hot.

Lani também escreveu a série de sucesso Príncipes DiCastellani, que agora também invade as livrarias no formato físico, e a coletânea Rock N’ Rio. Para manter contato com sua legião de fãs, a autora participa diariamente de bate papos nas redes sociais, grupos de Facebook e até mesmo Whatsapp.

Sobre a autora: Professora e pedagoga, Lani é leitora ávida desde os dez anos de idade e começou a escrever contos e histórias aos treze. Sempre teve o desejo de tornar seus textos públicos e, em 2014, ao postar suas histórias em um site percebeu que a aceitação dos leitores foi além da esperada. Sua primeira obra foi publicada em 2015 e desde então tornou-se uma autora best-seller.
Read More

terça-feira, 4 de setembro de 2018

Áudio Companhia: conheça os primeiros audiobooks do Grupo Companhia das Letras

 O Grupo Companhia das Letras acaba de lançar o seu selo Áudio Companhia, dando início à comercialização de títulos de seu catálogo em audiobook. A publicação selecionada para a estreia é 21 lições para o século 21, de Yuval Noah Harari, autor que já vendeu mais de 12 milhões de cópias no mundo, e tem narração de Sérgio Meneguello. Pela primeira vez no Brasil, um lançamento é publicado ao mesmo tempo nos três formatos: livro físico, e-book e audiobook.

A edição em áudio está sendo comercializada por R$ 39,90 e está disponível para compra com exclusividade no Google Play Store e Google Play Livros, a livraria on-line do Google, para dispositivos Android e também web. O livro também pode ser reproduzido em iPhones e iPads pelo aplicativo para iOS. A compra, porém, deve ser feita pelo computador ou dispositivo Android.

O Grupo Companhia das Letras já havia esboçado um investimento nessa área. A Rádio Companhia, que lança episódios de podcasts temáticos, já conta com mais de 55 em sua biblioteca e já teve mais 65 mil audições.

Como comprar
  • Abra o site Google Play Livros em seu Computador, ou o aplicativo Google Play Livros para Android;
  • Pesquise um audiolivro ou navegue pelas recomendações;
  • Para saber mais sobre um audiolivro, clique na imagem de capa;
  • Para fazer download do audiolivro, clique no preço e depois em Comprar. Para ouvir uma amostra, clique em Ouvir amostra. 

Como ouvir os audiolivros
  • Após o download do audiolivro, é possível ouvi-lo em outros dispositivos.
  • Para ouvir os audiolivros, basta abrir o site Google Play Livros ou o aplicativo para Android e iOS.
  • Toque em Biblioteca.
  • Na parte superior, toque em Audiolivros.
  • Toque no audiolivro que você quer ouvir. Ele será reproduzido automaticamente.
Read More

sábado, 1 de setembro de 2018

Ficção científica nacional, Oráculo de Cristal aborda o conceito de realidades paralelas


A ideia de realidades e universos paralelos é frequentemente utilizada em enredos de ficção científica, como o retratado no aclamado filme Interestelar. No entanto, o conceito não é uma invenção cinematográfica ou literária. Considerada uma possibilidade científica, a Teoria do Multiverso é uma tese complexa que defende a existência de um número infinito de universos paralelos.

Explorando o tema, que protagoniza vigorosos debates entre os físicos, na obra escrita pelo estudante paulista de Biologia, Rodrigo Galves, uma máquina é capaz de desvendar todos os possíveis futuros, criados a partir de cada escolha tomada.

No livro Oráculo de Cristal, publicado pela Editora Novo Século, o leitor é apresentado a um mundo futurístico, onde os carros voam e cidades flutuantes são construídas sobre oceanos, governado por um grupo chamado King&Queen.

Após uma epifania, o cientista de segunda Morgan Dirac tem a ideia de construir uma máquina capaz de revelar realidades paralelas e saber quais escolhas foram tomadas, para então culminar em cada uma delas. Batizada de Oráculo de Cristal, Morgan usará sua invenção com o intuito de conseguir o que tanto almeja: desbancar o King&Queen para que ele mesmo possa dominar o mundo.

“Dentro da Oráculo de Cristal o cientista estava prestes a realizar o seu sonho. Colocou um capacete ligado à esfera na cabeça e virou uma alavanca para cima.” (p. 32)

Com a ajuda de Sonya Barthes, uma antiga colega de escola e seu grande amor, o Dr. Dirac consegue construir a máquina. Porém, após trabalharem incansavelmente por um ano, o projeto acaba falhando.

Três anos depois do fracasso, Morgan é procurado por Frederick Klein, o representante de uma organização misteriosa que alega ter construído corretamente o Oráculo de Cristal. No entanto, apesar de finalizada, Dirac é o único que consegue utilizar a máquina.

Agora, com sua grande criação funcionando perfeitamente, enquanto Morgan busca controlar as pessoas ao seu redor para, finalmente, dominar o mundo, essa organização secreta passa a manipulá-lo para atingir os seus próprios interesses obscuros.

Com personagens cativantes e um enredo inteligente, Oráculo de Cristal traz uma trama carregada de suspense e aventura, além de um final surpreendente. A obra ainda convida o leitor a refletir sobre escolhas e prioridades, evidenciando a imprevisibilidade do futuro. Afinal, uma escolha é capaz de mudar tudo!
Read More

Conteúdo Relacionado

© 2011 Uma Leitora, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena