sexta-feira, 2 de julho de 2010

O Menino do Pijama Listrado

de John Boyne (Editora Cia das Letras)


O Menino do Pijama Listrado é um tipo de livro comparável à O Pequeno Príncipe de Saint-Exupéry, que seria classificado com um livro infantil, mas que não tem conteúdo só para crianças. Porém, o modo como o livro é escrito, de maneira tão simples, é fácil de ler, como se os fatos tivessem sendo explicados com simplicidade, a fluidez ao ler esse livro é muito boa, como se fossem naturais todas aquelas palavras.
Ainda é surpreendente que o autor escreva sobre a guerra meio em noir, nada fica implícito na história. Como a guerra, o campo de concentração, tudo fica meio duvidoso e só com o passar da leitura que as coisas vão sendo explicadas.
É como uma volta à infância perceber a inocência de Bruno e lembrar de coisas que a gente pensa quando é criança e não conhece muito da vida ou das pessoas, como a gente julga as outras pessoas ou como vemos uma coisa de uma maneira própria, bem particular.
Mostrar o holocausto através dos olhos de uma criança é uma escolha arriscada, pois as crianças são alheias às divisões, como vemos no livro entre Judeus e Não Judeus. Bruno sabe que os outros estão do outro lado da cerca, mas não entende porque.
O livro é emocionante, mas meio que atinge o leitor como um soco. É meio chocante como abrir os olhos no sol depois de passar um dia todo no escuro. Surpreende e encanta. E é um dos poucos exemplos de filmes em que a adaptação cinematográfica é religiosamente leal ao livro.

2 comentários:

Gaby disse...

Realmente encanta e surpreende...

me lavei chorando no fim (pronto, quase estrago o fim pra quem queria ler...:P)
Super vale a pena ler ele.

E... mais uma vez, parabéns pela sua escrita moça, ela tambem encanta ;)

Paola Severo disse...

Capaz Capaz,
também me emocionei no final [spoiler], mas no filme chorei mais.

Obrigada pelo coment e pelo elogio ;)

Postar um comentário

Conteúdo Relacionado

© 2011 Uma Leitora, AllRightsReserved.

Designed by ScreenWritersArena